Marcos Albrecht Junge passava por uma ponte e teria batido nas muretas de madeira, caiu em um barranco e foi parar no rio
A comunidade Luterana de Joinville se comoveu na tarde desta sexta-feira no enterro do pastor Marcos Albrecht Junge, 41 anos. Ele morreu em um acidente de carro em São Martinho, na região Sul do Estado, na última quinta-feira, quando o seu carro caiu de uma ponte. O pastor, que nasceu em Joinville, deixou esposa e um filho de quatro anos.
Junge passava por uma ponte e teria batido nas muretas de madeira, caiu em um barranco e foi parar no rio com as rodas do carro viradas para cima.O pastor estava na Paróquia Evangélica de Confissão Luterana de Rio São João, em São Martinho, desde maio de 2005. Formado em Teologia na Escola Superior de Teologia (EST), em São Leopoldo (RS), ele também trabalhou nas cidades gaúchas de Novo Hamburgo, Gravataí e Cachoeirinha.
Nesta sexta-feira houve cerimônia às 9 horas em São Bonifácio e depois o corpo foi levado para Joinville, onde foi sepultado às 16 horas no Cemitério Municipal.
clicrbs/padom

Deixe sua opinião