Steven Lawayne Nelson no tribunal
Steven Lawayne Nelson no tribunal

Nesta última terça-feira, um homem condenado à morte, por ter assassinado por estrangulamento um pastor em uma igreja norte do Texas.

Um júri em Fort Worth, refletiu por um pouco mais de uma hora antes de decidir a sentença contra Steven Lawayne Nelson. Nelson tem 25 anos de idade e foi condenado pelo assassinato do Rev. Clint Dobson em NorthPointe Igreja Batista perto de Arlington.

Os jurados tiveram a opção de sentenciar Nelson á morte ou prisão perpétua sem liberdade condicional.

No entanto Nelson foi declarado culpado na semana passada, por ter espancado e asfixiado com um saco plástico o Reverendo Dobson em março de 2011.  Ele também espancou a secretária da igreja, Judy Elliott, que foi deixada como morta, mas sobreviveu, no entanto teve a mandíbula quebrada e passa por problemas de memória.  Após agredir as vítimas, Nelson roubou o carro do pastor e outros objetos.

Rev. Clint Dobson é assassinado com apenas 28 anos.

Os promotores disseram que Nelson, queria roubar um carro que tinha visto no estacionamento da igreja, no julgamento, os promotores mostraram ainda mensagens de texto que Nelson enviou no dia seguinte ao assassinato. Em uma delas, ele escreveu: “Eu não quero me gabar que sou um monstro.” .

Membros da família de Nelson testemunhou que ele teve uma infância conturbada em que ele sofria de transtorno de déficit e de relacionamentos disfuncionais, segundo a AP.

Os advogados de defesa pediram aos jurados para poupar a vida de Nelson, dizendo que ele não teve a ajuda adequada que precisava, quando ele estava crescendo.

Além desses crimes, Nelson foi acusado de agredir um carcereiro em outubro de 2011 e é suspeito na morte de outro preso.

Portal Padom

Com informações de usnews e fox news

Deixe sua opinião