JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

018831252-fmmp00-300x199Por duas vezes, Ari Hermes ficou viúvo e se casou com as cunhadas. Ele se uniu em 1969 e em 1975; Ari está com terceira esposa há 4 anos.

O agricultor aposentado de Santa Cruz do Sul (RS) está casado há quatros anos com a dona-de-casa Ilse Agnes, 55 anos. Ari Inácio Hermes, 62 anos, teve a união abençoada em uma cerimônia evangélica na Zona Rural da cidade, há cerca de 14 quilômetros do Centro. Ilse é a irmã mais nova das duas primeiras mulheres dele, que resolveu manter os mesmos sogros, já falecidos, em sua vida. Ele foi viúvo duas vezes.

Segundo a antropologia, os casamentos do agricultor gaúcho podem ser conhecidos como sororato, que é o sistema matrimonial em que um homem substitui a mulher morta pela irmã mais nova dela. Isso ele fez duas vezes.

018831246-fmmp00-300x199De acordo com o Cartório de Registro Civil de Santa Cruz do Sul, o primeiro casamento de Hermes, com Ilária Agnes, aconteceu em 1969. O namoro se iniciou em 1967. Da união, ele teve duas filhas. A esposa morreu de tétano, em 1974, após pisar em um prego e contrair tétano.
O cartório da cidade informou ainda que o segundo casamento ocorreu em 1975, com a irmã mais nova da primeira mulher dele, Mercilda Agnes. A união durou 29 anos até ela morrer de câncer. Eles não tiveram filhos.

Quase que ao mesmo tempo, Ilse, a atual mulher de Hermes, ficou viúva do primeiro casamento. Em 2002, ela estava livre e com duas filhas. Como o agricultor e ela nunca perderam o contato em razão dos dois primeiros casamentos dele, a ausência de mulher e marido na vida dos dois facilitou uma nova aproximação.
Em 2005, Hermes resolveu se unir com a segunda cunhada, a mais nova das três irmãs com quem havia se casado. Hoje, o casal de ‘cunhados’ vive um sítio no povoado de Linha João Alves, em Santa Cruz do Sul. Eles moram sozinhos e cuidam da pequena roça de milho e dos animais como galinha e porcos.

Fonte: G1

Deixe sua opinião

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗