s4 da samsung
o novo Smartphone Samsung Galaxy S 4 é bom, mas oferece recursos limitados; leia teste
Samsung Galaxy
o novo Smartphone Samsung Galaxy S 4 é bom, mas oferece recursos limitados; leia teste

Smartphone topo de linha, Samsung Galaxy S 4 chegou às lojas em 8 de maio no Sudeste do Brasil e será lançado nas demais regiões no próximo dia 16. Com o hardware mais potente do mercado, o aparelho traz diversos recursos de software.

A empresa aposta em uma série de funcionalidades que permitem controlar o celular com gestos.

Uma das novidades que mais impressiona é o Smart Scroll, uma tecnologia que identifica os olhos do usuário e abaixa a tela automaticamente enquanto ele move a cabeça ou o aparelho.

O recurso, porém, funciona só no navegador e no serviço de e-mail nativos do smartphone. Faz falta, por exemplo, em apps muito usados, como no Facebook e no WhatsApp.

Já o Air Gesture funciona como prometido pela empresa: é possível mudar de fotos e atender chamadas apenas passando a mão sobre a tela.

Entretanto, o sensor não é muito preciso e capta todos os gestos do usuário, sendo necessário fazer movimentos circulares com a mão em volta do celular para trocar de fotos e não ficar indo e voltando eternamente entre duas imagens.

A exibição suspensa também agrada. Com ela, é possível ver uma prévia de mensagens de texto, e-mails e fotos apenas colocando o dedo sobre a tela, sem encostar.

Outro destaque é a câmera traseira de 13 Mpixels, que pode ser usada ao mesmo tempo que a dianteira, de 2 Mpixels, para fazer vídeos e fotos.

A fabricante aproveitou a tela de cinco polegadas para oferecer um modo multijanela, em que é possível usar dois aplicativos e ainda assistir a um vídeo ao mesmo tempo.

Nos testes da Folha, o recurso funcionou livre de travamentos usando o reprodutor de vídeo, um navegador e o aplicativo do Facebook.

 O Samsung Galaxy S 4 foi o primeiro aparelho a receber a locadora Samsung Hub, que vende filmes, livros e jogos. Com esse lançamento, a empresa entra de vez no mercado de conteúdo digital, já ocupado pela pioneira Apple e pela Amazon, que chegou ao Brasil no início deste ano.Com visual parecido com o do Windows Phone, o Hub oferece locação ou compra de filmes recentes, além de e-books e games.

O smartphone também vem com uma função que permite transformar o aparelho em um controle remoto universal para televisores. Após poucos comandos, o usuário pode aumentar volume, trocar de canal, além de ligar e desligar o aparelho.

 Samsung Galaxy S 4 é COMPLICADO

Um usuário novo no mundo dos celulares inteligentes pode levar algumas semanas para aprender a usar todos os recursos do Samsung Galaxy S 4.

Reconhecendo a complexidade do aparelho, a Samsung oferece o Modo Fácil, que simplifica a interface do sistema, aumentando o tamanho dos ícones e eliminando o widget de e-mail, além da seção da tela dedicada ao Samsung Hub. Essa opção pode ser útil para a adaptação ao uso do smartphone, já que a maioria dos novos recursos do Galaxy S 4 é dispensável.

A Samsung finalmente parece ter encontrado um visual próprio para o seu smartphone topo de linha, focando em aparelhos com telas grandes e sensores de gestos para competir contra o iPhone e os celulares com Android disponíveis no mercado.

Você acredita que é viável comprar um Samsung Galaxy S 4? Quanto você teria coragem de gastar para comprar um celular?

Folha / Portal Padom

Deixe sua opinião