JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

Loki, um personagem vilão do universo cinematográfico da Marvel, foi confirmado como gênero-fluido após a estreia da nova série Disney+ Loki.

Interpretado pelo ator inglês Tom Hiddleston, Loki é conhecido como o Deus da Trapaça e já apareceu em vários filmes da Marvel, como Os Vingadores e Thor. Loki está relacionado com Thor, o Deus do Trovão. Loki é o irmão adotivo de Thor e foi seu arqui-inimigo antes de se tornar um anti-herói em filmes posteriores.

No domingo, um teaser da nova série confirmou o gênero do personagem em um arquivo onde o gênero de Loki foi marcado como FLUIDO ao lado da categoria sexo.

Enquanto isso marca a primeira vez que o gênero de Loki foi confirmado no MCU, já havia sido revelado na Marvel Comics em 2014, relata a NME. Em uma história em quadrinhos intitulada Original Sin, Odin, o rei dos deuses nórdicos, se refere a seus filhos como “meu filho e minha filha, e meu filho que é ambos”, confirmando a fluidez de gênero de Loki.

De acordo com a WebMD, um indivíduo fluido de gênero é alguém cuja identidade de gênero varia de tempos em tempos. Por exemplo, uma pessoa pode se identificar como “feminino em um dia, masculino no outro, masculino e feminino ou nenhum dos dois”.

Como WebMD observa, ser gênero-fluido é uma forma de identidade e expressão de gênero em vez de orientação sexual. 

Em uma entrevista à Inverse, o redator principal de Loki, Michael Waldron, confirmou que a fluidez do personagem demoraria muito para chegar.

“Eu sei quantas pessoas se identificam com Loki em particular e estão ansiosas por essa representação, especialmente com esse personagem”, disse Waldron. “Trabalhamos muito duro.”

Hiddleston entrou na conversa, observando que a fluidez de Loki sempre esteve presente nos quadrinhos e na história mitológica.

“Sempre esteve nos quadrinhos por algum tempo e na história do personagem por centenas, senão milhares de anos”, afirma o ator da Marvel.

Como visto nos quadrinhos, uma das habilidades de Loki é mudar de forma, mas como um meio de disfarce, não uma expressão de gênero. 

O primeiro episódio de Loki foi ao ar na Disney+ na quarta-feira, 9 de junho, e consistirá em seis episódios que serão lançados semanalmente. O show segue os eventos do filme de 2019, Vingadores: Ultimato , onde uma versão alternativa de Loki cria uma nova linha do tempo.

Loki faz parte de uma lista de demônios

Em uma postagem intitulada “Nomes de demônios e suas classes de atuação“, encontra-se o nome Loki, apontando o verdadeiro significado de seu nome e atuação.

“Loki”: demônio do fogo, gênio do mal. Na mitologia escandinava é comparado ao próprio Diabo.

Deixe sua opinião