cristiano-ronaldo-mae-abortar
Cristiano Ronaldo e sua mãe

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

Maria Dolores dos Santos Aveiro, 63 anos, é a mãe do famoso jogador Cristiano Ronaldo, ela revela recentemente revelou que havia tentado abortar o seu precioso filho. Mas ela agora se dedica a mostrar para as mães que se sentem sozinhas, que há outras opções melhores do que o aborto.

Maria esteve em São Paulo na terça-feira, para lançar seu livro biográfico, denominado “Mãe Coragem”. Ela ficou órfã aos 6 anos de idade e consequentemente sendo abandonada por seu pai, foi neste período que ela passou a viver em um orfanato em um sistema muito rigoroso.

Quando adulta, casou-se com José Dinis Alveiro, com quem teve 3 filhos, o marido de um momento para o outro foi para a guerra da Angola. Quando voltou era outro homem viciado em álcool e também muito violento.

Aos 29 anos, engravidou do quarto filho e resolveu fazer um aborto, porque não se sentia capaz de cuidar de outra criança em meio à crise caótica que passava com o marido naquele momento.

Mas, o médico aconselhou a não fazê-lo, porque ela era muito jovem e a melhor coisa seria tomar uma decisão sem pressa.

“Eu já tinha três filhos e fiz de tudo para abortar quando fiquei grávida pela quarta vez. E era o Cristiano Ronaldo. Eu não tinha condições financeiras, foi Deus quem levou a gravidez adiante. Meu livro é uma mensagem para que todas as mulheres lutem e não desistam de seus filhos”, revelou durante uma entrevista.

“Sofri muitas dificuldades com meus 3 filhos, aos 29 anos estava grávida pela quarta vez, fiquei triste e quis abortar Cristiano. Tomei muitos chás, mas não consegui. O médico me disse que esse bebê me traria muitas alegrias”, disse a mãe de Ronaldo.

“Quando voltei para casa não tinha animosidade para nada, nunca imaginei que este bebê seria a pessoa que é hoje, estou mais do que certo de que ele é um verdadeiro filho de Deus e é por isso que tive que recebê-lo”, afirmou.

Dolores observa que, no momento, seu testemunho é uma valiosa ferramenta de incentivo para muitas mães entenderem que há outras opções além do aborto.

“Convido todas aquelas gestantes que passam por dificuldades como eu, que não desanimam, que sejam fortes, pois não conseguem imaginar a felicidade que esse bebê pode trazer para nossas vidas.

Maria fez uma parceria com o jornalista português Paulo Sousa Costa, para a edição de seu livro que foi traduzido em vários idiomas.

Deixe sua opinião

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗