Igreja Universal do Reino de Deus investe na TV Gazeta e sai da Band

Igreja Universal investe na TV Gazeta: uma mudança significativa para alcançar ainda mais seguidores

314
Bispo Edir Macedo, líder da Igreja Universal do Reino de Deus, que sai da Band
Bispo Edir Macedo, líder da Igreja Universal do Reino de Deus, que sai da Band

A Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) fechou recentemente um investimento significativo na TV Gazeta de São Paulo. A instituição religiosa, liderada por Edir Macedo, passou a ocupar quase todo o horário nobre da emissora, pertencente à Fundação Cásper Líbero.

De acordo com informações obtidas, o valor pago pela IURD é de R$ 1,2 milhão por mês, com contrato válido até dezembro de 2023. Isso significa que a TV Gazeta poderá faturar pelo menos R$ 14,4 milhões. Se cumprir metas de expansão de sinal e audiência, a emissora poderá receber até R$ 15 milhões até o final do ano.

A negociação começou no final do ano passado, a ideia partiu da própria igreja, que buscava suprir a falta da Rede 21, da Band. Devido a uma briga judicial, a IURD deixou o canal UHF do grupo de Johnny Saad e procurava um novo espaço.

Dois fatores foram fundamentais para a negociação: desde a saída de Ronnie Von da emissora, em 2019, a faixa das 22h à meia-noite exibia o Gazeta Shopping, atração de televendas que expõe pequenas empresas, o que não era interessante financeiramente. Além disso, a Igreja Universal tem uma boa relação com a Gazeta desde 2003, já ocupava duas horas do horário nobre da emissora paulista e sempre ajudou a Fundação Cásper Líbero em momentos financeiros difíceis.

Curiosamente, desde que a Universal passou a ocupar parte do horário nobre, a TV Gazeta tem visto um aumento na audiência na Grande São Paulo. Em alguns dias de janeiro, a programação religiosa chega a ser mais vista do que a RedeTV!, que vive a sua pior fase em audiência na história.

A Igreja Universal confirmou a compra do horário, mas se recusou a comentar detalhes.

com informações Noticias da TV

Deixe sua opinião