Pr. Gary Wilkerson, filho do falecido Reverendo David Wilkerson

Todos os anos, enquanto esperamos pacientemente pela manhã de Natal, somos lembrados do real significado do Natal – a vinda de Jesus.

Nossos corações estão cheios de gratidão por Deus ter enviado um Salvador para nos redimir. E celebrar o nascimento de Cristo é um tempo doce e agradável, cheio de bênçãos de todos os tipos. Nós adoramos ver presentes coloridos ao redor da árvore em nossa sala de estar. Nós gostamos de cantar canções e hinos e agradecer a Deus por suas muitas bênçãos. Alguns de nós até gostamos de “O Natal do Charlie Brown“, com Linus lendo de Lucas 2 no final.

Embora esta seja uma bela imagem, não é a realidade para a maioria das pessoas nesta época do ano. Alguns de nós não se sentem “alegres” e “brilhantes”, e muitas vezes somos consumidos com listas de tarefas, compras, recados e os encargos da vida cotidiana. Em vez de lembrar as bênçãos de Deus, somos sobrecarregados pela pressão que as festas nos trazem.

Nossa cultura abraça o consumismo e desejos, e é fácil esquecer as bênçãos de Deus e seu verdadeiro significado e propósito em nossas vidas.

Quando estou atolado pela atividade das festas de fim de ano, isso me ajuda a lembrar que, afinal, Deus está no controle e criou tudo ao meu redor. As escrituras nos dizem isso:

No princípio, Deus criou os céus e a terra. A terra era sem forma e vazia, havia trevas sobre a superfície do abismo, e o Espírito de Deus pairava sobre a superfície da água” (Gn 1: 1 2).

Deus criou tudo – os oceanos, os rios, os pássaros, os animais, as criaturas do mar, toda a vegetação e “o homem à sua imagem” – e depois de cada dia da criação, Ele proclamou: “É bom“. Depois de criar o homem e a mulher, “Deus os abençoou e disse a eles: ‘Frutifica e multiplica, e reabastece a terra e subjuga. Regra sobre os peixes do mar e sobre as aves do ar e sobre todos os seres vivos que se movem na terra ‘”(Gen. 1:28).

Abençoado” é uma palavra poderosa aqui. O tipo de bênção que Deus deu foi o poder de alcançar as coisas ainda a serem realizadas. Ele estava dizendo: “Enchai a terra com coisas gloriosas e maravilhosas que chamo de boas, e agora estou lhe dando poder para encher a terra com as coisas que me agradam. Estou te abençoando e dando a você domínio sobre todos os seres vivos. coisa na terra “.

Como entendemos que tudo o que temos é uma dádiva de Deus, devemos também perceber que Satanás tentará manipular as bênçãos de Deus e transformá-las em coisas que tentamos nos controlar (ver Gn 3: 1). Satanás é astucioso e tentará frustrar as boas coisas que Deus nos deu e manipular nosso pensamento sobre como Deus deseja que usemos essas coisas. O primeiro pecado no Jardim do Éden foi usar as coisas boas de uma maneira pecaminosa.

O Natal é para ser um presente e um lembrete para nós do que Deus fez. Mas assim como Eva foi tentada no jardim, a tentação pode vir a nós quando menos esperamos. Nosso foco muitas vezes se afasta das bênçãos de Deus para nossos próprios desejos e necessidades e como podemos nos abençoar em vez de outros.

Gênesis 50:20 declara: “Vocês planejaram o mal contra mim, mas Deus o tornou em bem, para que hoje fosse preservada a vida de muitos.”

O nascimento de Jesus vem em um ponto central no longo conflito ao longo da Escritura de Satanás, tentando derrotar os planos de Deus. A Boa Nova da vinda de Jesus é a nossa vitória final nesta história. Ele derrota a morte e nos dá uma bênção eterna – o presente da verdadeira vida com ele para sempre para aqueles que acreditam.

Devemos tomar as bênçãos de Deus e usá-las para glorificar o rei. É maravilhoso ver o ciclo de receber e dar – dando generosamente – aos necessitados. Ao nos aproximarmos do Natal, convido-os a lembrar uma das maiores bênçãos de todas: o dom de um Salvador para redimir você.

Na movimentada temporada de férias, é fácil ser pego nas compras e no fazer, mas, em vez disso, incentivo você a fazer uma pausa, dar uma olhada em suas próprias bênçãos e perguntar a Deus o que ele gostaria que você fizesse pelos outros. Ele abençoa aqueles cujos corações estão abertos para dar suas posses ou seu tempo para fazer a diferença na vida dos outros. Deus abençoou você para ser uma bênção!

por: Pastor Gary Wilkerson é o presidente do World Challenge
Traduzido e adaptado porPb. Thiago Dearo

Deixe sua opinião

WhatsApp
Entre e receba as notícias e artigos do dia