Pete Brown se encontra com sua família após ser resgatado

Um homem que ficou perdido no mar por nove dias confiou na fé e na oração para superar os obstáculos que enfrentou.

Pete Brown, junto com dois colegas de tripulação, partiu do Japão para o Havaí em próximo do Dia de Ação de Graças com a esperança de chegar no Natal, relata a WTVC-TV.

Mas o mastro do barco foi danificado depois que uma tempestade passou e os homens perderam toda a capacidade de se comunicar em 20 de dezembro.

Brown disse que quando o mar agitado entrou, o barco tombou.

A água estava subindo, subindo, subindo até a cintura e ainda estavamos de cabeça para baixo. Estávamos pensando: ‘Oh Deus, isso é terrível.‘”

As tripulações a bordo dos aviões da Guarda Costeira HC-130 Hércules e da Marinha dos EUA P-8 procuraram por dias.

Brown disse durante esse tempo, ele procurou paz e conforto.

Observava as estrelas, orava e esperava que, de qualquer maneira, minha família ficasse bem. Eu estava chorando, todos estávamos chorando no barco”.

Sem saber quando seriam resgatados, os companheiros de tripulação tiveram que racionar o pouco de água potável que tinham.

Tínhamos 50 garrafas de água sobrando. Pensamos que poderíamos aguentar dois meses ou três meses se racionássemos“, disse Brown .

Em 29 de dezembro, suas orações foram respondidas depois que os homens viram um barco à distância. Durante meia hora, os homens usaram espelhos para iluminar a luz do sol no barco até que finalmente foram vistos.

Com a ajuda dos membros da Guarda Costeira, Brown e sua equipe foram resgatados e depois se reuniram com a família no Havaí.

Havia muito amor por aí, muita oração e muita fé. Para mim, abraçar minha esposa e meu filho novamente foi simplesmente incrível. Definitivamente vou ter um novo apreço pela minha família e meus amigos“.

Deixe sua opinião

WhatsApp
Entre e receba as notícias e artigos do dia