Hebreus 12:14
Através de toda a Bíblia, a santificação tem sido um elemento essencial na relação entre Deus e o Seu povo. Esta qualidade de ser separado do pecado é uma característica fundamental da santidade de Deus, que tem que ser desenvolvida como parte do caráter de seus filhos. Porém, a sabedoria é algo importante e imprescindível para a vida de um verdadeiro filho de Deus.

Proposição – O texto está propondo que devemos perseguir a santificação para podermos ver a Deus, isto é, vermos o que Deus é capaz de fazer por nosso intermédio quando estamos em comunhão íntima com ele. E a sabedoria, porque nos ensina a andarmos com retidão diante do Senhor.

Sentença Interrogativa – Qual a real necessidade de buscarmos sabedoria e santificação para as nossas vidas, para que sirvamos melhor ao nosso Deus?

Sentença de transição – Abordaremos alguns pontos sobre essa busca de sabedoria e santificação.

Desenvolvimento:
Buscar sabedoria:

1) PORQUE ELA NOS ENSINA A TEMER E CONHECER A DEUS – Pv.2:4-5
a) “Temer a Deus é o princípio da sabedoria”

2) PORQUE ELA É PROVEITOSA PARA A NOSSA VIDA – Ec.2:13-14
a) Não podemos ser insensatos

3) PORQUE ELA FORTALECE A NOSSA VIDA – Ec. 7:14
a) Você sente-se seguro

4) PORQUE ELA FAZ VOCÊ ENTENDER QUE DEUS É GRANDE E SOBERANO EM TODAS AS SUAS OBRAS – Ec.8:16-17
a) Existe da sua parte um reconhecimento de que Deus é o criador de todas as coisas; Ele é o Todo Poderoso.

Buscar santificação

1) PORQUE A SANTIFICAÇÃO NOS DÁ FORÇA – 1ª Ts.5:16
Não podemos escolher o nosso próprio método de santificação. O método de santificação para as nossas vidas está na própria Palavra de Deus. Para isto é preciso que você:
a) Mantenha acesa a chama do Espírito Santo na sua vida – v.16. Quando o rei Davi pecou, sentiu imediatamente tristeza em seu coração, então pediu a Deus que se restitui a alegria da salvação (Sl.51:12). Em Fp.4:4, o apóstolo Paulo exorta: “Alegrai-vos sempre no Senhor”. Não deve ser uma alegria produzida pelos bens terrenos, mas, uma alegria que é proveniente de um coração santo e que supera todas as dificuldades e circunstâncias, de modo a manter sempre acesa essa chama.
b) Mantenha uma vida de oração – v.17
É preciso manter uma vida de constante oração, isto é, uma mente voltada para Deus e a Sua Palavra.
c) Manter uma vida de gratidão a Deus – v.18
Quando cultivamos um coração agradecido a Deus por todas as coisas que acontecem em nossas vidas, o Espírito Santo nos leva a esquecermos as derrotas e os problemas. Dar graças a Deus por tudo, é aceitarmos a Sua condição. O processo é dolorido, mas é o resultado é maravilhoso. Lembre-se: o perfume da flor só é extraído com o seu esmagamento, assim também o suco de uma fruta, o pão que vem do trigo. Portanto, “Em tudo, daí graças”
d) Não seja indiferente a presença do Espírito Santo – v.19
Extinguir o Espírito Santo é negá-lo. É não dar ouvidos à sua voz. É a mesma coisa de você receber alguém em sua casa com indiferença, como se não estivesse ninguém ali. Se quisermos ser santos e progredirmos na santificação, precisamos reconhecer a presença do Espírito de Deus e obedecer ao seu comando (Gl.5:16)
e) Viva a Palavra de Deus diariamente – v.20
Sl.1:1 – Somente vivendo de acordo com a Palavra de Deus poderemos manter uma vida santa, separada dos pecadores impenitentes.
f) Examine o melhor para a sua vida – v.21
Examinar é olhar, analisar, pesar, medir. Isto é o que cristão que preza por uma verdadeira santificação que agrada a Deus, deve fazer. Nunca aceite nada em sua vida sem antes passar pelo “Raio X” de Deus.
g) Rejeite sem questionar tudo que provoca suspeitas – v.22
Fuja da aparência de tudo aquilo que coloca em evidência a sua integridade e fé. Existe pecado e existe embaraço (hb.12:1). O cristão atento e vigilante foge de tudo que ameaça a sua santificação.

Leia também!  O Amor no Casamento

2) PORQUE A SANTIFICAÇÃO É UM PROCESSO – VV. 23-24
De acordo com o texto, o processo de santificação envolve:
a)A atuação de Deus – v.23ª;24
A santificação começa no espírito do homem, isto é, de dentro para fora. Não poderia ser diferente. O pecado entrou no homem por meio da sua carne(de fora para dentro)Gn.3:6;Rm.5:12. Satanás é o agente do pecado. Ele levou o homem a contaminar-se na carne, logo em seguida a alma do homem ficou entenebrecida (Ef.4:18). Por fim morreu o seu espírito (Ef.2:1). Nestas condições, somente por uma atuação vinda de alguém infinitamente superior a Satanás, poderia o homem ser vivificado e totalmente restaurado no tempo determinado por Deus.
b)O homem na sua totalidade – v.23b
O homem é composto de três partes: corpo, alma e espírito. Logo a santificação para ser completa precisa abranger todo o ser. Não existe essa de que Deus só está interessado no espírito do homem. Esta é uma mentira diabólica. Veja o que Deus a Palavra de Deus:”Apresenteis os vossos corpos”-Rm.12:1; vejamos ainda Rm.6:19b.
c) A regeneração pelo Espírito Santo.
A necessidade básica de quem quer ser salvo por Jesus é a regeneração. Jesus colocou isto para Nicodemus(Jô.3:3-5). Este é o processo inicial da santificação. O Senhor dá vida ao nosso espírito(Ef.2:5). Se existe alguém que se diz crente, mas que não foi regenerado, está perdendo tempo querendo santificar-se por conta própria. A santificação começa no espírito do homem regenerado(2ªCo.5:17).
d) A transformação da alma.
A alma é onde reside nossos pensamentos, emoções e vontade. É por este meio que podemos contatar o mundo psicológico. Deus habitando em nós pelo Espírito Santo, começa a expandir-se em nosso interior a santificação (2ªCo.3:18).
e) A transfiguração do corpo.
Isto acontecerá quando o Senhor vier buscar os seus filhos. Quando o momento da transfiguração deste corpo chegar, deveremos estar em plena santificação, pois o Senhor vem buscar uma Igreja santa e irrepreensível (Ef.5:27).

Leia também!  Limites do Namoro, o seu namoro é verdadeiramente aprovado por Deus?

Aplicação- Vivemos num mundo que é manchado pelo pecado. Estamos rodeados pela violência, pornografia, desonestidade e falsa religião. Deus não pretende que nos isolemos deste mundo (Jô.17:14-21), mas que fujamos dos seus pecados(1ªTm.6:11), e brilhemos como luzes num mundo de trevas(Mt.5:14-16). Nunca foi fácil viver uma vida de santidade num mundo de corrupção e injustiça, mas isto é possível. Jesus provou isso durante uma vida de pureza sem pecado. É nossa responsabilidade seguir seus passos (1ªPe.2:21-22).

A santificação é a condição básica para que o homem esteja em pé diante do Senhor, quando Ele voltar. Não haverá desculpas, Deus nos deu os meios necessários para que pudéssemos cumprir a Sua vontade, a saber: a santificação.

1) Você é um crente regenerado?
2) A sua vida tem sofrido grandes transformações espirituais?
3) Como você tem usado o seu corpo para glorificar a Deus?
Pr. José Pinto de Oliveira Filho

Fonte:atosdois e padom.com

Deixe sua opinião