Recebi em meu email, esta mensagem e quero compartilhar com vocês:

Thiago,

Essas figuras abaixo votaram contra o salário mínimo de R$ 600,00.
Que compromisso você acha que eles têm com a classe mais pobre desse país, estando inclusos dentro dessa classe muitos crentes?
A justificativa deles sabe qual é? É que eles têm que acompanhar o que o partido determina.
Agora pensa comigo: Se eles verdadeiramente se preocupassem com suas idelologias religiosas e sociais (não podemos nos esquecer que eles têm que desempenhar primeiro um papel social), não era mais justo então que eles se candidatassem por um partido que estivesse mais adequado com aquilo que eles falaram durante a campanha?
É que na verdade Thiago, o que move essas pessoas a estarem envolvidas na política não é fazer o que é certo, mas fazer o que dá certo. O que move essas pessoas é o poder, o dinheiro e o status que ela proporciona.

Lauriete (ES) – Não……………………………….. (Cantora)
Marcelo Aguiar (SP) – Não…………………….. (Cantor)
Pastor Marco Feliciano (SP) – Não………… (Hum, esse não me engana…)
Silas Câmara (AM) – Não………………………. (Irmão do Pr. Samuel Câmara)
Takayama (PR) – Não……………………………. (Esse até esconde sua condição de Pastor…)

Portal Padom

Deixe sua opinião