orando sob chuva por cura em frente hospital
Evangélicos oram em frente ao hospital (Foto: Reprodução/COPEL)

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

Pelo menos mais de 20 igrejas se uniram no município de Lajeado, no Rio Grande do Sul, para orar pela cura diante da crise causada pela covid-19. A iniciativa foi proposta pelo Conselho de Pastores Evangélicos de Lajeado (COPEL), que oraram pelos enfermos, profissionais e autoridades.

O conselho interdenominacional reuniu membros e líderes para orar em frente ao Hospital Bruno Born, que atende casos da covid no município. Além de orarem, os participantes também fizeram um jejum, pedindo para Deus intervir na situação.

Eles usaram como base o versículo de 2 Crônicas 7.14, que diz: “Se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar e orar, buscar a minha face e se afastar dos seus maus caminhos, dos céus o ouvirei, perdoarei o seu pecado e curarei a sua terra”.

Ao falar sobre a iniciativa, o pastor Abraão Francisco, coordenador do COPEL, disse decidiram se organização como igreja para “abraçar”, simbolicamente, o hospital. Todos estavam com camiseta branca e carregando bandeiras com o nome de Jesus.

Igrejas oram em Lajeado (Foto: Reprodução/COPEL)
Igrejas oram em Lajeado (Foto: Reprodução/COPEL)

“Oramos baseados na Palavra de 2 Crônicas 7.14, pedindo perdão, clamando para que haja cura, e também clamando através da unidade, promessa do Senhor em Salmos 133, que aonde há unidade, aonde há união, o Senhor ordena bênção e vida pra sempre”, disse o pastor Abraão ao Gospel Prime.

Para o pastor Daniel Fich, líder da Assembleia de Deus em Lajeado, “foi um momento de muita emoção, pois foi nesse hospital que fiquei internado no ano passado e fui muito bem cuidado”. O pastor esteve em estado grave por conta da doença, mas acabou alcançado a cura.

“As lágrimas desceram como a chuva que Deus mandou abundantemente. Ao mesmo tempo, o mover espiritual foi tremendo e cremos nos frutos desse ato de unidade da igreja de Cristo, pois o nome de Jesus foi colocado aonde sempre deve estar, acima de qualquer diferença, inclusive das nossas placas denominacionais”, disse o pastor Daniel Fich.

Deixe sua opinião

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗