Os membros do Estado Islâmico ameaçam matar Saeed Abedini

0
92

O pastor Saeed Abedini tem enfrentado novas ameaças de morte, já que terroristas do Estado Islâmico estão na mesma prisão iraniana, onde ele cumpre a sua pena.

De acordo com o Centro Americano para a Lei e a Justiça (ACLJ), Abedini, um cidadão americano, tem se comunicado com membros de sua família onde contou que ele teme por sua vida.

O pregador disse que outros presos lhe disseram que os prisioneiros do Estado Islâmico planejam mata-lo.

“Este é um desenvolvimento extremamente perigoso que ameaça a vida do pastor Saeed em grave risco”, disse o líder da ACLJ, Jay Sekulow.

A ACLJ tem trabalhado para trazer Abedini de volta, depois de ter sido condenado pelo Irã a oito anos de prisão por causa de sua fé cristã.

“Pedimos ao presidente Obama e ao secretário Kerry, que intervenha de imediato para garantir a libertação do pastor Saeed e que garanta que ele seja protegido durante esta transferência para a liberdade. O pastor Saeed, que está se aproximando de seu segundo ano na prisão no Irã, deve ser devolvido a sua família sem demora”, disse Sekulow.

Os dois filhos pequenos do pastor Saeed, Jacob e Rebekka, tornaram-se noticias em vários sites de noticias gospel, logo após parecer em um vídeo onde fazem um apelo pessoal ao presidente Barack Obama que leve o seu pai de volta para a casa.

Por enquanto, ele está em uma sala separada dos presos do Estado islâmico na prisão Rajai Shahr. O pastor cristão disse que ele tem que confiar com a proteção de outros presos e se esconder em sua cela durante o tempo de exercícios físicos, quando os presos são misturados.

No dia 26 de setembro, completa dois anos que o pastor Abedini foi preso.

De acordo com o ACLJ, cerca de 290 mil pessoas em todo o mundo assinaram a petição ‘beheard Projeto’ em um esforço para assegurar a sua libertação, mas ele continua preso!

Portal Padom

Deixe sua opinião

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui