Neste país agora pode queimar a Bíblia e o Alcorão em lugares públicos

Agora quem queimar uma Bíblia, Alcorão ou zombar de alguma fé religiosa publicamente não sera mais punido

Um homem que queimou um Alcorão em 2015 foi absolvido, após o parlamento dinamarquês revogar uma lei contra a blasfêmia promulgada há um século.

A Dinamarca aboliu uma lei de 151 anos que estipulava condenações criminais por atos de blasfêmia como queimar a Bíblia ou o Corão. A maioria dos membros do Parlamento do país votou na sexta-feira contra a lei.

Trata-se do parágrafo 140 do Código Penal dinamarquês, que afirma que “pessoas que levam a insultos públicos ou denigre doutrinas religiosas ou cultos legais pode ser punido com multa ou prisão por até 4 meses.”

A regra foi evocada quando acusações contra um dinamarquês que queimou um Alcorão e postou o vídeo no Facebook, em dezembro de 2015. Depois de votar contra esta lei, os processos judiciais contra essa pessoa, cujo nome polícia não revelou, serão suspensas, informa o site The Local.

A última vez que a lei foi aplicada em 1971 contra dois apresentadores de rádio que zombaram do cristianismo e foram absolvidos após o julgamento.

Portal Padom

Deixe sua opinião