Euan Murray, jogador de futebol americano

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

Uma estrela do futebol da Premiership revelou uma parte muito importante de sua vida, que foi quando Deus lhe tocou.
À beira de aparecer na final da competição mais prestigiada da Europa segundo ele,Fulham Zoltán Gera, 31, revelou a história de sua vida e fé cristã e como o ajudou a superar muitos problemas na juventude.

Fulham Zoltán Gera


Quando jovem, Gera foi conduzido às bebidas, drogas e jogos de azar. Ele afirma que foi salvo quando encontrou a Deus e agora ele espera que sua notável história servirá como um exemplo de como uma vida manchada por desespero pode se tornar uma vida agraciada com a esperança.
Sua história, que apareceu em The Evening Standard, torna-se a tomar todas as mais excepcional em conta, uma vez que os médicos disseram que ele tinha sujeitado o corpo ao abusar tanto, por meio da embebição de álcool e de substâncias ilegais, que ele nunca iria realizar seu sonho de jogar futebol ao mais alto nível.
“Eu estava muito, muito magro, porque eu fiz muitas coisas ruins. Os médicos disseram que eu nunca seria um jogador de futebol profissional, porque o meu corpo já não estava bom o suficiente, “o Sr. Gera lembra.
Ele continuou, dizendo que como ele foi influênciado por influências selvagens na escola, faltava em suas sessões de treinamento de futebol e até mesmo formação de quadrilha para criar problemas em sua região. Sonhando em se tornar “um criminoso, um padrinho real, temido por todos, que rouba o povo e lutava todos os dias,” o Sr. Gera tinha abandonado a escola e o futebol aos 16 anos de idade.
Depois que seu pai lhe ofereceu a oportunidade de visitar uma igreja local, ele estava “chocado ao ver as pessoas felizes, sorrindo e cantando.
“No caminho de nossa casa perguntei ao meu pai por que as pessoas estavam cantando e batendo palmas juntos. Ele me disse que eles estavam cantando a Deus, porque eles tinham experimentado a Sua presença. Logo em seguida, tive uma boa sensação “, diz ele.
Depois de visitar a igreja e se voltando para Deus, ele experimentou uma transformação total. Apesar de estar doente e muito magro, e ser informado pelos médicos que ele nunca iria jogar futebol de novo, ele disse que “a Bíblia diz o que quer que os gafanhotos e os devora sem-fim, Deus vai restaurar.
“Um dia quando eu estava indo para casa após um jogo de futebol, com a bola na mão, comecei a orar. Eu disse: “Ajuda-me, Deus, para que eu possa me tornar um bom jogador.” Sinceramente, Deus disse que queria se tornar um jogador de sucesso, que as pessoas possam ver que há um caminho para sair da confusão em que estava, que não havia esperança para eles, também. Eu estou feliz agora, eu sou um garoto sortudo “, disse em outra entrevista.
Quinze anos de meio-campista e um atacante totalmente restaurado, o Sr. Gera tem capitaneado seu lado nacional, fazendo 63 partidas até agora e foi nomeado jogador húngaro do Ano três vezes em 2002, 2004 e 2005. Ele também foi nomeado no 2.007-08 O Campeonato All-Star da equipe.
“Eu sou cristão e creio que Deus me dá muita energia”, disse o Sr. Gera.
“Mas é claro, você também precisa trabalhar duro. Você precisa fazer o seu melhor em seu trabalho e ele vai pagar tudo. Eu era um garoto mau, mas eu mudei. É por isso que eu quero ser um bom exemplo. Não importa quantos anos você tem, você pode transformar sua vida para o bom caminho. Não importa onde você esteve
antes, você ainda pode jogar em uma final de futebol. “

“Todo dia eu penso sobre onde eu estava há 15 anos e onde estou hoje. Foi uma viagem incrível para mim. Sim, eu tenho tido muita sorte “, acrescentou.
Hoje, 12 de Maio de 2010, o Sr. Gera aparecerá na Liga Europa Final contra o Atlético de Madrid.

Euan Murray, jogador de futebol americano

Em fevereiro de 2010, outro atleta top explicou por que a palavra de Deus e sua fé cristã são importantes para ele, e porque ele se recusa a jogar aos domingos e até mesmo assistir o primeiro jogo da sua equipa.
Euan Murray, uma estrela da união escocesa de rugby(futebol americano), que atualmente joga pelo Northampton Saints, disse à imprensa como sua busca a Deus, ele foi capaz de mudar seu caminho. The Guardian descreveu como Murray tomou uma caneca de chá e um copo de água e segurou-los para fora na frente dele.
‘Este é o chá, todo sujo e horrível, isso sou eu, sim? Isso é Jesus, diz ele, apontando para a água.
“Puro. Ele levou a sujeira em si mesmo e diante de Deus, diz ele, “me punir por isso. Ele foi punido e olha o que ele me deu. Essa bondade perfeita aos olhos de Deus. Ele me declarou inocente.
“Pode ser tão simples?”, Disse ele bebendo a borra do chá, sorrindo.
“Eu tenho vergonha das coisas que eu fiz. Claro que tenho. Mas estou grato que tenho um salvador. Ele salvou-me do estilo de vida que eu vivia. Ele me deu uma nova vida. ”
Quando perguntaram se os conflitos de sua fé com o carater da equipe do esporte, ele respondeu:
“Você traz o seu património individual em benefício da equipa e esperamos que você vai ter sinergia quando você coloca todas essas diferentes componentes juntos. Eu sou um cristão, eu tento trabalhar duro , honesto e justo. Isso é o que eu trago para a equipe. “

Tradução: Portal Padom

Christian Telegraph/Padom

Deixe sua opinião