Depois de seis meses preso, cristão é solto da prisão da Coreia do Norte

Noticias Gospel – Na última terça-feira, 21, a Coreia do Norte, pôs em liberdade o cristão americano Jeffrey Fowle, depois de ficar quase seis meses preso. Outros dois americanos que foram julgados e condenados por crimes em Pyongyang continuam sob custodia norte-coreana.

Fowle, de 56 anos, mora em Miamisburg, Ohio, estava à espera de ser levado a julgamento por acusações de ter deixado uma Bíblia em um hotel na cidade portuária de Chongjin em maio passado.

O norte-americano deixou a Coreia do Norte a bordo de um avião do governo dos Estados Unidos, no aeroporto internacional de Pyongyang, na última terça-feira, segundo a The Associated Press. O governo sueco ajudou a negociar a libertação de Fowle.

O porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest elogiou a decisão da Coreia do Norte em libertar Fowle. O porta-voz também instou a Pyongyang  lançar outros americanos, Kenneth Bae e Matthew Miller.

Os Estados Unidos promete ajudar todo cristão preso na Coreia do Norte

Depois de seis meses preso, cristão é solto da prisão da Coreia do Norte“Os Estados Unidos vai continuar trabalhando ativamente por eles“, disse ele.

Earnest disse que o Departamento de Defesa proporcionou o transporte aéreo para Fowle depois de receber um horário especificado pelas autoridades norte-coreanas. Ele disse a Suécia ajudou a facilitar a liberação de Fowle, já que Washington não tem relações diplomáticas com Pyongyang.

Os três norte-americanos entraram na Coréia do Norte separadamente. Em entrevistas no mês passado com a Associated Press, os três disseram acreditar que a única solução para a sua situação era um representante dos Estados Unidos viajar para a Coreia do Norte para fazer um pedido direto.

Fowle chegou na Coréia do Norte em 29 de abril e foi preso em maio por deixar uma Bíblia em um hotel. O evangelismo cristão é considerado crime na Coreia do Norte.

Leia também!  ‘A Terra não é nosso lar, mas devemos servir a Cristo enquanto estamos aqui’, diz atriz aos cristãos

Outro americano que está preso é Matthew Miller, de 24 anos, morador de Bakersfield, Califórnia. Miller foi condenado no dia 14 de setembro por entrar ilegalmente Coreia do Norte para cometer espionagem e foi condenado a seis anos de trabalho forçado.

O outro é Kenneth Bae, 46 anos, morador de Lynwood, Washington. Bae é um missionário coreano-americano que está cumprindo uma sentença de 15 anos por suspeitas “atos hostis” não especificados. Ele foi preso em novembro de 2012 quando liderava um grupo de turistas numa zona econômica especial da Coreia do Norte. cbn

Portal Padom

Deixe sua opinião