Notícias Gospel – Um pastor de Nova York que estava lutando contra o coronavírus Covid-19 começou a se curar do vírus após receber oração enquanto estava na UTI.

Pastor sofre com a doença mortal coronavírus Covid-19

O pastor Benjamin Thomas, da Igreja de Deus do Queens, em Nova York, foi testado positivo com coronavírus em março deste ano. Ele passou mais de 100 dias lutando contra o vírus mortal que afetou mais de 14 milhões em todo o mundo. O pastor Benjamin estava em um ventilador há 54 dias e em coma há seis dias antes de finalmente voltar para casa recentemente.

Benjamin  tem um aviso muito importante para todos depois de passar por uma jornada tão difícil.

Foi uma jornada muito difícil“, disse o pastor Benjamin. “ ”Ainda vou para casa hoje. COVID-19 é real. Eu sei que algumas pessoas não querem usar máscaras e não querem manter o distanciamento social. É muito importante levar isso a sério. Você não quer passar pelo que eu passei.

Perdendo a esperança de cura, o Covid-19 estava vencendo

Ele foi internado pela primeira vez em um hospital de Long Island, onde foi colocado em um ventilador. Depois de duas semanas, sua família pediu para transferi-lo para o Hospital Mount Sinai. O processo de transferência em si foi difícil, pois sua condição era muito crítica.

Durante as primeiras duas semanas de abril, não estávamos avançando muito e houve um ponto em particular que foi a noite de 19 de abril“, disse seu médico, Robin Varghese. “Eu estava de plantão naquela noite e ele estava na pior forma, e muitos dos membros da nossa equipe que estavam torcendo por ele também estavam perdendo a esperança, como eu.”

na UTI DEUS CONTINUA FAZENDO MILAGRES E A ORAÇÃO É A CHAVE PRINCIPAL PARA DERROTAR O COVID-19

Poder curador de Deus

No entanto, o pastor Benjamin experimentou o poder de cura de Deus depois que seu médico orou por ele enquanto estava na Unidade de Terapia Intensiva. Ele começou a curar logo depois daquela noite.

Nesse momento, entrei no quarto dele muito tarde da noite, quando estava de plantão“, disse o médico. “Eu realmente disse a Deus que não há mais nada que eu poderia oferecer a ele. Ele tinha que assumir o controle, porque tínhamos lhe dado tudo o que a medicina moderna pode lhe dar.”

Em maio, o pastor de Nova York acordou do coma e, no início deste mês, conseguiu voltar para casa. Ele sobreviveu à provação pelo poder de Jesus Cristo.

Deixe sua opinião