Missionário cristão Kenneth Bae abraça mãe e amigos ao chegar no EUA, após deixar a Coreia do Norte

Noticias Gospel – A Coreia do Norte, pois em liberdade Kenneth Bae e Matthew Miller, dois cidadãos americanos, informa o Departamento de Estado dos Estados Unidos.

“Somos muito gratos aos nossos parceiros internacionais, em particular o Governo da Suécia, que protege os nossos interesses, pelos seus incansáveis esforços para libertar Bae e Miller“, disse o comunicado do Departamento de Estado. Devido à ausência de relações diplomáticas entre os EUA e Coréia do Norte, a Embaixada da Suécia representa os interesses dos EUA em Pyongyang.

O Departamento de Estado também agradeceu ao diretor nacional de inteligência, James Clapper, por sua ajuda na libertação dos cidadãos norte-americanos, sem especificar que tipo de apoio ele forneceu.

Matthew Miller, 24 anos, foi preso no dia 10 de abril por “comportamento impróprio ao realizar as formalidades de fronteira.” O jovem foi condenado a seis anos de trabalho duro.

Motivos que levaram Kenneth Bae a ser preso pela Coreia do Norte

Missionário cristão Kenneth Bae abraça mãe e amigos ao chegar no EUA, após deixar a Coreia do NorteJá o cidadão americano de origem coreana Kenneth Bae, de 46 anos, foi preso no dia 03 de novembro de 2012, na cidade de Rason, situada no nordeste da Coreia do Norte, onde chegou como turista. Bae foi acusado de usar uma organização cristã evangbélica, Jovens com uma Missão, para pregar contra o governo norte-coreano e por ter planejado um ‘golpe de Estado religioso’. Depois de um breve julgamento, ele foi condenado a 15 anos de trabalhos forçados em uma fazenda, levantando preocupações sobre a sua saúde frágil.

Em entrevista coletiva, o Sr. Bae agradeceu a administração Obama, aos funcionários da Coreia do Norte e todos que oraram por ele e sua família enquanto ele estava detido.

Ao falar sobre o calvário em que viveu, Bae disse: Eu aprendi muito. Eu cresci muito. Perdi muito peso, em um bom caminho.“,algumas pessoas que acompanhavam a entrevista riam, então ele continuou ”. “Eu estou de pé forte por causa de você“, acrescentou Kenneth Bae.

No final de outubro, as autoridades da Coreia do Norte pois em liberdade o cidadão americano Jeffrey Fowle, que foi preso em maio de 2014 por ter cometido ‘atos ilícitos’.

O avião em que os dois americanos libertados pela Coreia do Norte, aterrissou nos Estados Unidos cerca de 5 horas da manhã, segundo informou a CNN.

Portal Padom

Deixe sua opinião