O evangélico José Henriquez é o único mineiro que superou o trauma da mina.
O evangélico José Henriquez é o único mineiro que superou o trauma da mina.

Após o segundo ano do grande resgate, dos 33 mineiros, somente o evangélico José Henríquez tem superado o trauma dos 69 dias presos na mina de San José em Atacama, Chile, em 2010.

No dia 5 de agosto de 2010, um deslizamento de terra fez com que os mineiros ficassem presos em uma mina, onde permaneceram por 69 dias. A operação para resgatar os mineiros foi transmitido ao vivo em todo o mundo e levou cerca de 22 horas. Individualmente, cada um foi trazido à superfície por uma “cápsula” através de um túnel de mais de 600 metros de profundidade e medindo apenas 60 cm de largura.

Os protagonistas da tragédia que chocou o mundo ainda estão lutando para superar o trauma. A maioria retornou ao trabalho, no entanto a maioria deles sofre com consequências graves. José Henriquez é o único mineiro que superou o trauma da mina, ele também era o único evangélico da equipe e durante os 69 dias em que estiveram presos, ele se tornou o guia espiritual dos companheiros.

Trauma insuperável

Entre os mineiros que não se recuperaram da tragédia esta Victor Segovia, que admitiu que continua fazendo tratamento psicológico e tomando medicação. Outro mineiro que continua sofrendo é o Edison Peña, que foi internado em um centro de reabilitação para superar o vício em drogas e álcool.

Enquanto isso, o mineiro Pablo Rojas disse que a fama não deu nada em suas vidas. “Após um ano de viagens, prêmios, entrevistas, todos tiveram que voltar à realidade.”,  admite ele.

Segundo o site Gospel Prime, o miniero Juan Illanes, procurou apoio emocional para superar o trauma em uma corrente religiosas que tem ligações ao islamismo. “Na última vez em que nos reunimos, 80% de nós estavam reinseridos em alguma coisa”, explica o mineiro Juan Illanes. Trabalhando ainda em uma empresa ligada à mineração, afirma que procura apoio emocional em “um grupo de sufista que tem sede no Chipre”. Os sufistas são uma corrente do islamismo.

“Milagre na mina”

No ano passado, Editora Zondervan, relatou a história dos 33 mineiros a partir da perspectiva espiritual contada por Jose Henriquez. O título do livro, publicado em espanhol e Inglês, é Miracle in the Mine “Milagre na mina.”

“Nunca pensei que eu pregaria em uma mina. Deus fez isso para mim, porque é assim que ele resgata-nos a dar-nos novas oportunidades”, Henriquez explica no livro. “Deus merece todo o crédito por ter nos salvado. Ele nos manteve bem no abrigo”, diz ele.

Essa mesma fé o ajudou a superar o que aconteceu, uma mensagem e um exemplo que não tem alcançado o resto dos mineiros que ficaram presos com ele.

Portal Padom

Com informações Mundo Cristiano 

Deixe sua opinião