A segunda temporada de A Fazenda vai começar e o Brasil vai parar de trabalhar só para ver um monte de gente sem fazer nada, brigando e querendo se aparecer.
A Record pegou a receita da Globo e agora também consegue fazer com o que o brasileiro seja realmente considerado vagabundo. Afinal de contas, se preocupar mais com quais artistas participarão de um programa do que com os problemas do dia-a-dia, mostra o caráter desse povinho.Eu que sou um gato de classe, de estilo, não perco tempo com esse tipo programa que manipula as massas. Só falta o Edir Macedo aparecer durante a transmissão e querer converter os participantes. Aliás, que hipocrisia um canal evangélico mostrando um monte de bunda, não é?

Vooz – BlogdoGato / Padom

Deixe sua opinião

Leia também!  Onde fica o Reino de Deus na disputa entre PT e PSDB?