Um xeque muçulmano foi abordado por alguns missionários nas ruas e recebeu a mensagem do Evangelho. Poucos dias depois, ele deu sua vida a Cristo, convencido de que Jesus é a “fonte da água viva”.

Todos os anos, homens, mulheres e famílias da península do Golfo Pérsico passam suas férias na Europa, temporada esta que é aproveitada pelos missionários para compartilhar o Evangelho.

A equipe do Ministério Cru sai para as ruas para conhecer esses turistas e contar sobre Jesus Cristo. Os missionários são ex-muçulmanos que abraçaram a fé cristã e são treinados para alcançar outros árabes com a mensagem da vida eterna, distribuir literatura cristã e ensinar discipulado.

“Em Munique, o missionário Mehdi encontrou na rua um xeque chamado Sadik, cujo irmão havia se tornado cristão, pelo qual ele estava triste, mas ele disse que, se o cristianismo fosse verdade, se alguém pudesse convencê-lo disso, ele acreditaria “, de acordo com a CRU.

Uma das mulheres da equipe, Nafisa, juntou-se aos dois e conversaram por algum tempo. “Você tem medo de que isso seja verdade?”, disse.

Sadik ficou sem respostas e não respondeu a missionária naquele momento, mas saiu pensando nessa questão.

No dia seguinte, Mehdi e Nafisa estavam de volta à rua, distribuindo material cristão e ficaram surpresos ao ver Sadik retornar.

Sua atitude havia mudado. Havia uma seriedade em seu desejo de conversar com eles. Ele contou sobre um sonho que teve na noite anterior. “Eu estava correndo no deserto e estava com sede”, disse ele. “Eu vi você lá, Nafisa, você estava vestindo um casaco branco com uma cruz na frente e atrás, e você estava oferecendo água fresca, eu pedi água, mas você não me deu.”

Então, quando ele acordou, Sadik reconheceu imediatamente a fonte do sonho.

“O sonho mudou meu coração!”, exclamou ele. “Eu sabia que era de Deus e que a água da vida era apenas para aqueles que acreditam em Jesus, então orei para encontrá-los novamente, o que aconteceu agora”, disse ele.

Lá, em uma movimentada rua comercial, ele abaixou a cabeça com os dois missionários e orou para receber a Cristo. Sadik nasceu de novo e manteve contato com o missionário Mehdi, que estava encarregado de ministrar aulas de discipulado.

Portal Padom

Deixe sua opinião