João 5:1-15
1 – DEPOIS disto havia uma festa entre os judeus, e Jesus subiu a Jerusalém.
2 – Ora, em Jerusalém há, próximo à porta das ovelhas, um tanque, chamado em hebreu Betesda, o qual tem cinco alpendres.
3 – Nestes jazia grande multidão de enfermos, cegos, mancos e ressicados, esperando o movimento da água.
4 – Porquanto um anjo descia em certo tempo ao tanque, e agitava a água; e o primeiro que ali descia, depois do movimento da água, sarava de qualquer enfermidade que tivesse.
5 – E estava ali um homem que, havia trinta e oito anos, se achava enfermo.
6 – E Jesus, vendo este deitado, e sabendo que estava neste estado havia muito tempo, disse-lhe: Queres ficar são?
7 – O enfermo respondeu-lhe: Senhor, não tenho homem algum que, quando a água é agitada, me ponha no tanque; mas, enquanto eu vou, desce outro antes de mim.
8 – Jesus disse-lhe: Levanta-te, toma o teu leito, e anda.
9 – Logo aquele homem ficou são; e tomou o seu leito, e andava. E aquele dia era sábado.
10 – Então os judeus disseram àquele que tinha sido curado: É sábado, não te é lícito levar o leito.
11 – Ele respondeu-lhes: Aquele que me curou, ele próprio disse: Toma o teu leito, e anda.
12 – Perguntaram-lhe, pois: Quem é o homem que te disse: Toma o teu leito, e anda?
13 – E o que fora curado não sabia quem era; porque Jesus se havia retirado, em razão de naquele lugar haver grande multidão.
14 – Depois Jesus encontrou-o no templo, e disse-lhe: Eis que já estás são; não peques mais, para que não te suceda alguma coisa pior.
15 – E aquele homem foi, e anunciou aos judeus que Jesus era o que o curara.

A história narrada acima apresenta um homem que vivia a 38 anos à beira de um tanque chamado Betesda cujo acesso era pela Porta das Ovelhas em Jerusalém, à espera de um milagre. Ele deseja ser curado!

Podemos aprender algumas lições muito importantes através da história desse homem e do seu encontro com Jesus. Essa história reflete o retrato de alguns crentes hoje em dia que estão dentro das igrejas há muito tempo, que são servos de Deus já alguns anos, que estão esperando por um milagre que parece que nunca chega. Por que será? Por que será que algumas pessoas alcançam o milagre da parte de Deus que tanto esperam e outros ainda não? Mas essa é uma história que não se restringe somente aos crentes, mas se estende a todos aqueles que ainda não conhecem, não servem a Jesus e que necessitam urgentemente de uma ação eficaz Dele em vossas vidas.

1º. MUDANDO DE ROTA: PODE SER O COMEÇO DA MUDANÇA – nunca é tarde para mudar de rumo!

Jesus estava subindo em direção ao templo de Jerusalém e o normal seria entrar pela porta principal, que no caso era a Porta Dourada. Todos esperavam que Jesus entrasse pela Porta Dourada, mas surpreendentemente Jesus muda de rota e vai para a Porta das Ovelhas. Jesus vai na contramão da multidão. JESUS VAI NA CONTRAMÃO DO MUNDO!

De todas as 12 (doze) portas de Jerusalém, a Porta Dourada era a mais bela, a mais imponente, a mais desejada por se passar. Era a porta da honra, da gloria, todo judeu desejava passar por essa porta, mas Jesus não. Jesus saiu dessa porta e foi para a porta mais feia, a menor de todas, a porta pela qual ninguém queria passar porque podemos dizer era a porta do sacrifício, era por onde entravam as ovelhas que seriam usadas para o sacrifício, era a Porta das Ovelhas.

Nem tudo é na verdade o que aparenta ser. Jesus não se deixou levar pela beleza e imponência da Porta Dourada deixando-nos a lição de que não devemos andar por aquilo que vemos, mas pelo que cremos. Não devemos nos deixar levar pelas aparências porque muitas vezes o exterior está lindo, impecável, mas por dentro está corrompido, sem vida, sem santidade, sem compromisso, sem fidelidade…

Quando vamos comprar um carro usado (quem entende de carro sabe disso) a primeira coisa que nos chama a atenção é o que? A lataria. Mas a nossa primeira preocupação e o que devemos ver não é a lataria, e sim o motor, o “coração” do carro.

O carro pode estar com a lataria muito boa, até mesmo impecável, sem um arranhão sequer, pintura boa, pneus bons, faróis acendendo, mas se o motor não estiver bom de nada adianta o resto.

Com as pessoas também é assim, o exterior pode ser excelente, criar uma expectativa muito boa, mas se o “motor” (o coração) não for bom, se estiver queimando óleo, compromete todo o conjunto.

De nada adianta estar muito bem vestido, se a pessoa não tem caráter, se não é honesta, se não é sincera, verdadeira, fiel, amável… De nada adianta ter um carro zero quilometro, uma casa na praia, uma conta bancária cheia de dinheiro se o coração não está voltado para o amor ao próximo, à obra de Deus e aos ensinamentos da Palavra do Senhor.

Quantas mulheres hoje estão com sérios problemas dentro de seus casamentos porque olharam somente para o exterior dos vossos maridos e não atentaram para a qualidade de vossos corações. Não atentaram para a questão de ver se eles eram bons filhos (Porque quem é bom filho, será bom esposo, será bom pai), se eram amáveis, carinhosos, se eram trabalhadores, quais eram seus projetos de vida, de família, não se preocuparam em saber, por exemplo, qual era a opinião deles quando falavam de Deus, da igreja, de se relacionar com Deus etc.

Quantas jovens estão namorando rapazes que são bonitos, “saradões”, mas com o coração onde não há espaço para mais nada a não ser com eles mesmos? A “lataria” é ótima, mas o “motor” está com problemas. NEM TUDO O QUE PARECE BELO REFLETE A SUA VERDADEIRA ESSÊNCIA. Veja o caso do profeta Samuel quando foi enviado por Deus até a casa de Jessé para consagrar um novo rei para Israel. Antes de chegar à Davi ele pensou que Deus tivesse escolhido Eliabe, depois Abinadabe, depois Sama, porque quando Samuel olhou para eles atentou somente para o a aparência, até que Deus disse para Samuel: “Não atentes para a sua aparência, nem para a grandeza da sua estatura, porque o tenho rejeitado; porque o SENHOR não vê como vê o homem, pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o SENHOR olha para o coração.” (I Sm. 16:7)

E Deus escolheu o menor, o apascentador de ovelhas, que mais tarde seria o maior rei terreno de Israel, Davi. Sabe por quê? Porque Deus olhava para o coração de Davi!

Sabe por que Jesus mudou de rota? Porque não olhou para a aparência daquela porta, mas para o coração de um homem que sofria a 38 anos à beira de um tanque chamado Betesda, na Porta das Ovelhas. O lugar aonde Jesus mais gosta de estar não é na porta dourada, mas na porta das ovelhas, aonde tem ovelhas, aonde tem cheiro de ovelha lá está Jesus. João 10:7 – Tornou, pois, Jesus a dizer-lhes: Em verdade, em verdade vos digo que eu sou a porta das ovelhas.

Mudar de rota não significa mudar de objetivo. Alguém consciente do risco que corre ao fazer costumeiramente depósitos altos em sua conta bancária o que faz?  Nunca segue a mesma rota! Cada dia vai por um caminho para não ficar marcado pelo ladrão não é verdade? Nunca faz o depósito na mesma agência, mas o objetivo é cumprido porque mesmo não fazendo o depósito na mesma agência bancária, o seu dinheiro acaba indo para sua agência de origem e sua respectiva conta.

Ao se dirigir para a Porta das Ovelhas Jesus foi de encontro ao seu maior objetivo que está relatado em Lucas 19:10 – Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido.

ÀS VEZES É NECESSÁRIO MUDAR DE ROTA PORQUE A NOSSA ROTA DEVE ESTAR SEMPRE EM CONFORMIDADE COM A VONTADE DE DEUS!

2º. UMA FÉ INOPERANTE:

Ao vermos a condição daquele homem à beira do tanque de Betesda por uma inspiração divina entendo que ele depositava suas esperanças em coisas que não o fariam viver efetivamente o seu milagre. Esse homem depositava suas esperanças naquilo que era:

  • Natural (Homem)
  • Material (Água do tanque)
  • Místico (Anjo)

Ele depositava suas esperanças em algum homem que o colocasse dentro daquele tanque. Tanque esse com uma água que se acreditava que agitada por um anjo em algum dia e hora que ninguém sabia, trazia a cura para quem primeiro entrasse nele.

Aquele homem estava estacionado junto com aquela multidão de enfermos como ele. Estacionados em uma fé inoperante, pois era movida pela religiosidade em não por uma fé verdadeira no único capaz de realizar o milagre. Esse milagre nunca havia chegado e nunca chegaria. Ou você acha que alguém iria abrir mão de um milagre que ocorria pelo menos uma vez por ano? Você acha que alguém na mesma condição desse homem ou até mesmo pior do que ele deixaria de receber o milagre em favor dele? Lógico que não!

Às vezes as pessoas sentem-se estimuladas por anjos, águas, homens, espadas de fogo, chaves, “rosas ungidas”, “toalhinhas”, quando na verdade o maior estimulo deveria ser a CRUZ de Cristo. Olha para a CRUZ e você será estimulado a não desistir de lutar e seguir em frente.

3º. DEUS SABE EXATAMENTE O QUE SE PASSA CONTIGO:

Mesmo não sendo contemplado com o milagre, ele não desistia de esperar. Era persistente. A persistência desse homem era tão grande que ele estava ali a trinta e oito anos, nesse momento Jesus estava com trinta e dois, isso significa dizer que seis anos antes de Jesus nascer, aquele homem já estava à beira daquele tanque. Seja persistente, não desista de um sonho por mais que passem os anos! Muitas pessoas na condição desse homem desistiriam, mas ele, mesmo que de forma errada, continuava acreditando que poderia acontecer.

Deus sabe exatamente o que está se passando com você. Esse homem não era aprisionado somente por conta da sua enfermidade, mas aprisionado na sua mente, no seu coração, na sua alma, nas suas expectativas de vida, aprisionado por uma religiosidade que o fazia acreditar que era por causa do anjo e do mover das águas. A Bíblia é clara, “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” (Jo. 8:32).  “Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livre.” (Jo. 8:36).

4º. A VIDA TRANSFORMADA ATRAVÉS DE UM RELACIONAMENTO DIRETO COM CRISTO:

Com uma pergunta Jesus mudou o rumo de sua história.  “Queres ser curado?” Parece que a pergunta de Jesus não tinha muito sentido, afinal, se o homem estava ali há 38 anos, claro que ele queria ser curado e eu creio que Jesus sabia disso. Contudo, Jesus faz uma pergunta obvia ao paralitico exatamente para travar um relacionamento e descobrir seus traumas, suas queixas, seus temores, suas dificuldades e suas ansiedades. Jesus queria que aquele homem rasgasse o seu coração.

Esse homem estava tão acomodado com a sua situação que nem se deu conta do que Jesus perguntara. Jesus não perguntou se ele tinha fé, se cria que Ele poderia curá-lo, não perguntou por que ninguém o colocava no tanque… Jesus não queria saber de reclamações. Jesus foi direto, objetivo: “Queres ser curado?”

A resposta desse homem revelou não somente uma enfermidade física, mas também espiritual e emocional.

A pergunta de Jesus era como se dissesse o seguinte: Quer despertar para uma nova vida? Quer mesmo viver outra realidade? Está disposto a assumir a responsabilidade que a mudança fará em você? Porque a partir de agora você não poderá mais depender de esmolas, de compaixão humana etc.

Quando Cristo se apresenta para você é para lhe dar a direção certa. É para te tirar do abismo e te levar aos pastos verdejantes. Não há ventos favoráveis se você não sabe para onde vai. Ele não ia alem da sua enfermidade. Ele estava há alguns metros do milagre, mas não conseguia alcançar porque o seu foco estava errado.

5º. CARREGUE O QUE ESTÁ TE CARREGANDO

Muitas vezes o próprio ser humano se impõe limitações, fronteiras criadas somente na mente. Criamos dificuldades e barreiras que estão muitas vezes somente na nossa mente e não de forma concreta. Veja o exemplo de Davi. Diferentemente de Saul, Davi acreditou que era possível vencer as barreiras da mente e partir para uma prática vencedora. Alguns fazem das dificuldades as responsáveis pelo seu fracasso. Outros fazem do seu fracasso um aprendizado para coisas maiores.

Jesus ordenou: “Levanta-te, toma o teu leito, e anda.” Era como se Jesus estivesse dizendo: Saia do lugar dos deprimidos, dos acomodados, dos derrotados, dos murmuradores… Aquele homem era carregado pela sua cama. Agora Jesus diz: “Carregue você a sua própria cama!” – CARREGUE O QUE ESTÁ TE CARREGANDO!

Qual é a sua cama?

Talvez a sua cama seja o seu estilo de vida. Um estilo de vida fora dos princípios bíblicos cristãos. Talvez seja sua maneira de pensar, sua maneira de agir, a forma como você se comporta diante de alguma luta. Talvez a sua cama seja um relacionamento o seu relacionamento com Jesus, um relacionamento de altos e baixos, inconstante, baseado somente em favorecimento e não de entrega da alma.

Não de permita ser levado pelos seus problemas. Não permita que os seus problemas ditem o ritmo da sua vida, mas dite você mesmo direcionado por Deus a sua própria vida.

“Aquele dia era Sábado”, os líderes judeus questionaram aquele homem acerca de guardar o sábado, pois, pela lei não poderia ser realizado qualquer tipo de trabalho. Aqueles homens não queriam ver aquele homem carregar o seu leito. Eles preferiam vê-lo aleijado do que curado no sábado. Tem gente querendo ver você continuar sendo carregado pelo teu leito. Tem gente querendo ver você continuar sendo arrastado pelos teus problemas, pelas tuas lutas, pelos teus fracassos. Mas não adianta Jesus hoje te diz: “Levanta, toma o teu leito e anda!”

Levanta e toma as rédeas da situação;

Levanta e toma o controle da sua vida;

Levanta e começa a caminhar com suas pernas porque o milagre aconteceu na tua vida! ALELUIAAAAAAAAAAAAA!

6º. HONRANDO A JESUS

Assim que Jesus o curou, aquele homem não sabia quem era Jesus, mas um tempo depois Jesus volta a se encontrar com esse homem e diz quem Ele era. Então, esse homem volta aos judeus que o haviam questionado e diz: “Foi Jesus quem me curou!”

Sabe por que Jesus voltou a se encontrar com esse homem?

Porque ele precisava saber quem o curou. Precisava saber quem fazia milagres. Precisava saber quem era Jesus. Precisava honrar a Jesus sendo testemunho vivo perante a sociedade do poder e senhorio de Cristo.

João 5:15 – E aquele homem foi, e anunciou aos judeus que Jesus era o que o curara.

 

Você precisa saber quem é o único capaz de realizar milagres na tua vida, Jesus cristo!

Honre a cristo declarando os milagres dele na tua vida. Você será um evangelista em potencial para o reino de deus!

Tua “casa”, amigos e familiares serão alcançados pelo poder de Deus na tua vida!

Nele, Por Ele, para Ele.

Pr. André Lepre

Deixe sua opinião