JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

Um vídeo chocante surgiu mostrando um pregador de rua Batista no Reino Unido, sendo preso por falar que a homossexualidade é um pecado.
Noticiado em jornais e revistas, Dale Macalpine de 42 anos, tem recebido atenção no Reino Unido e Estados Unidos, um video que Mcalpine gravou com uma câmera escondida, veio à tona ao público no dia 14 de maio. Dura pouco menos de dois minutos e deixa claro que ele foi preso por expressar uma visão bíblica da homossexualidade.Segundo o jornal Telegraph, Mcalpine foi preso 20 de abril, na cidade britânica de Wokington por causar”alarme, intimidação e angústia” depois que um policial que estava passando o ouviu ele dizendo a uma mulher, que em 1 Coríntios  diz que o comportamento homossexual é pecado. O policial o advertiu para ele ficasse quieto, mas ele continuou, então foi preso.
McAlpine foi acusado e preso por sete horas, em que é conhecida como a “Public Order Act”Lei de Ordem Pública, embora acusações foram retiradas 13 de maio de acordo com Daily Mail. Mas, apesar do fato de que ele agora está fora de problemas legais, sua prisão foi um golpe frio ao discurso religioso no país e deve servir como uma lição para o resto do mundo, como dizem os seus apoiantes.
“A Inglaterra, os E.U. e outras nações ocidentais, que partilham o mesmo valor júridico, as tradições políticas e religiosas”, Mike Judge, um porta-voz do Instituto Cristão, no Reino Unido, disse Batista Press. “Se isso pode acontecer na Inglaterra, isso pode acontecer, onde você vive. Cristãos precisam estar conscientes de que pequenas mudanças na lei não pode levar a grandes mudanças na cultura. Se você quer ser livre para compartilhar o Evangelho, você deve defender a liberdade na praça pública. Não se esconda em suas igrejas, chegar lá e participar na cultura. Fazê-lo com sabedoria, graciosamente, com excelência e com coragem. ”
McAlpine disse ao Daily Mail, “Você não poderia ter feito tudo. Foi uma loucura. Espero que este resultado garante a liberdade de expressão para todos no futuro …. eu nunca fui preso em minha vida. Foi uma experiência constrangedora . Trataram-me como um criminoso comum “.
O vídeo, que mostra vários policiais ao redor McAlpine, pode ser visto abaixo:

A seguir é a transcrição do video:
McAlpine: “Nós não estamos aqui para quebrar qualquer lei. Queremos cumprir a lei. Não há nenhuma lei proiba dizer sobre as coisas que são pecados. Não há nenhuma lei contra isso.”
Polícia: “Olá senhor. O que você está dizendo, é homofóbico sábia?”
McAlpine: “Bem, a homofobia é o ódio para os homossexuais. Essa é a definição de homofobia, mas eu não sou um homofobico [sic]. Falei com seu agente antes e ele estava chateado que eu estava dizendo que a homossexualidade era um pecado – que é o que a Bíblia diz. E eu afirmo que o que eu digo porque isso está na Bíblia. E não há lei, não há nenhuma lei … ”
Polícia: “Bem, há.”
McAlpine: “Não, não há.”
Polícia: “Não é. Infelizmente, É uma violação do artigo 5 da Lei de Ordem Pública”.
McAlpine: “Ele realmente não é”.
Polícia: Sir “, é um …”
McAlpine: “Nós não fariamos isso, porque se fosse contra a lei, você sabe. Lord Carey, era Senhor – o cara que passou essa lei nas Casas do Parlamento recentemente – a liberdade de expressão [inaudível]. ”
Polícia: “inaudível] [Ele protege a liberdade de expressão a um grau, mas inaudível] [“.
McAlpine amigo: “Na verdade, certamente não. Estes dois senhores, provavelmente ouviu tudo que eu disse. Eu certamente nunca menciono a homossexualidade.
Polícia: “Sim, nós sabemos.”
McAlpine: “A única vez que eu mencionei que era quando eu estava conversando com este senhor aqui. Quando eu estava na escada pregando, eu não tinha mencionado. Mesmo assim, sabe, ainda não é contra a lei. ”
Polícia: “É contra a lei. Olha, companheiro, temos certeza. Você está preso violação do artigo 5 da Lei de Ordem Pública. Você não precisa dizer nada, mas pode prejudicar a sua defesa se não mencionam quando questionados algo que mais tarde invocar em tribunal. Qualquer coisa que você diga pode ser dada em provas. ”
McAlpine: “É justo.”
Polícia: OK. “Você quer andar nesse caminho para a nossa van?

Tradução: Portal Padom

Christian Telegraph/Padom

Deixe sua opinião