II CR. 20.2:26ENTÃO, VIERAM ALGUNS QUE AVISARAM A JOSAFÁ, DIZENDO: GRANDE MULTIDÃO VEM CONTRA TI DALÉM DO MAR E DA SÍRIA; EIS QUE ESTÃO EM HAZAZOM-TAMAR, QUE É EN-GEDI. AO QUARTO DIA, SE AJUNTARAM NO VALE DE BENÇÃO, ONDE LOUVARAM O SENHOR; POR ISSO, CHAMARAM ÀQUELE LUGAR VALE DE BENÇÃO, ATÉ AO DIA DE HOJE.

Nossa vida é repleta de momentos de alegria, tristeza, felicidade, angústia, derrotas, vitórias etc., mas não há nada melhor quando tudo vai bem, não é verdade?

Uma das melhores coisas é quando vai tudo bem com a nossa vida. Bem no casamento, bem nos estudos, saúde boa, dinheiro no bolso não falta, tranquilidade nos relacionamentos sociais.

Mas a Bíblia diz que há um dia mal. E este dia mal chega para cada um de nós. Devemos ter a noção clara de que a nossa vida é uma eterna luta entre bons e maus momentos.

Tudo pode estar muito bem contigo, mas um dia é a enfermidade que chega, é o desemprego que bate à sua porta, é a crise conjugal, familiar e financeira, é o filho que vive uma fase de rebeldia e aí parece que tudo vai desandar.

O que fazer então quando este dia mal chega?

Será que o melhor remédio é sumir de tudo e de todos?

Será que o melhor a fazer é abandonar a sua familia, a sua esposa ou o seu marido, os seus negócios?

Abrir mão de tudo aquilo que um dia você conquistou às custas de muito suor e lágrimas?

O rei Josafá nos dá uma grande lição. A de que ainda há esperança e de que tudo pode mudar para quem confia no Senhor Jeová.

Ainda que digam para você: “Vem contra ti uma grande multidão!”

Uma das piores coisas que pode existir na vida do ser humano é o inesperado.

A própria palavra já diz, ou seja, inesperado é aquilo que não se espera.

Quem espera por alguma coisa ruim?

Ninguém na verdade espera por coisas ruins, mesmo porque quem é lavado e remido no sangue de Jesus só pode esperar coisas boas, mas devemos entender que as difculdades elas fazem parte da naturalidade da vida e que cada um de nós terá as suas próprias dificuldades. Quantas vezes não ouvimos uma voz que dizia: “Vem contra ti uma grande multidão!”

Leia também!  Pergunte ao Pastor - "Gostaria de saber, se no inferno as pessoas vão se reconhecer?"

O rei Josafá vai nos mostrar como vencer multidões que se levantam contra nós. Você poderá ver isso no II livro de Crônicas cap. 20 do vers. 1 ao 26. Diz a Palavra de Deus que quando disseram isso para Josafá ele teve medo (sentimento natural do ser humano), convocou o povo para jejuar e buscou ao Senhor e todo o povo acompanhou ele.

A primeira lição que nós aprendemos aqui é que Josafá jejuou e orou ao Senhor. Duas armas espirituais importantíssimas que vêm sido esquecidas pelos Cristãos.

Muitos querem louvar, pregar, tocar, mas quem quer orar e jejuar?

Quantos estão dispostos a dedicar tempo com seus joelhos no chão e buscar à Deus em oração?

Josafá compeendeu que diante de uma grande multidão contra ele não tinha outra alternativa a não ser a de buscar à Deus em jejum e oração. Porque a força que está em nós não vem de mim e nem de você, mas vem do Senhor.

Feliz é homem que aprende a dobrar os seus joelhos e buscar à Deus. No vers. 5 nós vamos notar que Josafá se colocou em pé na congregação e aí fica uma outra lição para nossa vida.

Diante das dificuldades você tem que se colocar de pé.

O seu posicionamento diante das suas dificuldades tem que ser de pé. Tem um monte de gente que sofre uma luta, uma perda e se abate de tal forma que não consegue se reerguer.

Ficam prostradas, ficam desanimadas e quando isso acontece o diabo manda mais luta e mais opressão.

Josafá se pôs de pé, porque ele era o rei, o comandante daquele povo e ele sabia que se o povo o visse abatido, eles desanimariam e entregariam os pontos para o adversário.

Leia também!  Jesus e as Tempestades

Coloque-se de pé diante da luta meu irmão, levante a sua cabeça porque a sua posição é de pé, o Senhor te fez por cabeça e não por cauda. Você nasceu para vencer, porque em Cristo Jesus nós somos mais do que vencedores.

Depois disto, Josafá então dos vers. 5 à 11 ele vai manter um diálogo com o Senhor e vai trazer de volta à memória os feitos gloriosos que o Senhor fez pelo seu povo (Israel) no passado.

Amados(as), a Palavra de Deus diz que aquele que está em Cristo nova criatura é, as coisas velhas já passaram eis que tudo se fez novo.

Quando Deus diz isso, Ele está se referindo ao seu velho homem, à sua velha mulher, aos seus pecados, mas quando se trata de um passado com Deus, nunca poderemos nos esquecer.

Teremos que nos lembrar sempre dos milagres e das bençãos que Deus nos concedeu.

Primeiro, para glorificarmos e honrarmos o Seu nome; Segundo, para trazer a nossa memória aquilo que pode nos dar esperança.

Josafá então, depois de lembrar ao seu povo dos grandes feitos de Deus no passado, vai no vers. 12 fazer algo que todo o Cristão deve fazer na sua caminhada de fé. Reconhecer suas limitações.

Ele vai dizer o seguinte: “Deus, nós não temos forças para resisitir a esta grande multidão que vem contra nós, somos poucos diante deles.” “Deus, não sei mais o que pensar, nem o que dizer, e nem como agir, mas uma coisa eu quero te dizer, OS MEUS OLHOS ESTÃO POSTOS EM TI!” – Oh gloria, aleluia, aleluia, aleluia, eu sinto a presença de Deus aqui comigo amados(as) escrevendo essa mensagem… glorias a Deus, glorias, glorias…

Não está aguentando a luta irmão(ã)? Não tem mais forças? Faça como Josafá, coloque os seus olhos no Senhor… Sl.121.1 – Elevo os meus olhos para os montes de onde me virá o socorro? O meu socorro vem do Senhor,…

Quando Josafá faz isso, o Espirito Santo de Deus por meio do profeta diz: “Não temais, nem vos assusteis por causa dessa grande multidão que vem contra ti, porque a peleja não é vossa, mas de Deus. Amanhã descerão até a ladeira de Ziz e lá ao encontrá-los não precisarão fazer nada, porque o salvamento virá do Senhor.”

Leia também!  A Cura Definitiva

Saiba de uma coisa meu irmão e minha irmã, se você está passando por uma grande luta, ela não é sua, mas sim, de Deus, do Senhor Eterno sobre nossa vida. O Espirito Santo de Deus disse: Amanhã… Você pode estar passando por uma grande luta hoje, mas o Espirito Santo manda te dizer que o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.

Versículo 18 diz que Josafá se prostrou diante de Deus e com ele o seu povo e adoraram ao Senhor. No versículo 5 vamos ver Josafá de pé diante das dificuldades.

Fica uma lição prática para nossa vida. Diante das lutas a nossa posição tem que ser de pé, mas diante do nosso Deus a nossa posição tem que ser prostrado aos seus pés.

Depois dessas atitudes, Josafá e o povo começaram a louvar à Deus, sabe porque? Porque nós somos o único povo que podemos cantar vitória antes do tempo, porque servimos a Jeaová Sabaoh, o Senhor dos exércitos.

O resultado das atitudes de Josafá foi que os Moabitas e os Amonitas mataram-se uns aos outros e mais uma vez Deus foi fiel a um povo que o buscou.

QUEM SABE O QUE ESTÁ FALTANDO PARA VOCÊ VENCER GRANDES BATALHAS SEJA BUSCAR MAIS AO SENHOR.

SE PROSTRAR DIANTE DELE E CONFESSAR SEUS ERROS, SEUS PECADOS E DIZER: “SENHOR EIS-ME AQUI, NÃO SEI MAIS O QUE PENSAR, FAZER E DIZER, MAS UMA COISA EU SEI, OS MEUS OLHOS ESTÃO POSTOS EM TI!”

PONHA OS TEUS OLHOS NO SENHOR, MEU IRMÃO E MINHA IRMÃ E VEJA QUE GRANDES MULTIDÕES QUE VÊM OU VIRÃO CONTRA TI CAIRÃO POR TERRA EM NOME DE JESUS!

Que o Senhor te abençoe muitíssimo!

Pr. ANDRÉ LEPRE

Deixe sua opinião