mulher tomando vacina covid-19
mulher tomando vacina covid-19

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

Todas as vacinas, incluindo aquelas para COVID-19, carregam a possibilidade de efeitos colaterais. Em todo o mundo, existem atualmente 15 vacinas COVID-19 que estão autorizadas para uso em pelo menos um país cada.

Os efeitos colaterais mais comuns após as vacinas COVID-19 são fadiga, febre, dores de cabeça, dores no corpo, calafrios, náuseas, diarreia e dor no local da injeção, de acordo com a Organização Mundial da Saúde.

Cada pessoa é afetada de maneira diferente pela vacinação. Algumas pessoas podem sentir poucos ou nenhum efeito colateral, enquanto outras podem sentir vários efeitos colaterais e sentir-se muito mal.

Neste artigo, explicamos o que fazer com os efeitos colaterais de uma vacina COVID-19.

Tratamentos sem receita para efeitos colaterais da vacina covid-19

Qualquer pessoa preocupada com os efeitos colaterais da vacinação pode se perguntar se deve tomar um medicamento sem receita antes de receber a vacina, para evitar quaisquer efeitos colaterais antes que ocorram

No entanto, o Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC) não o recomenda. Embora seja uma boa ideia tomar medidas para prevenir os sintomas de outros problemas de saúde, esse não é o caso aqui.

É melhor esperar e ver se surgem quaisquer efeitos colaterais e, em seguida, tratá-los individualmente, em vez de adivinhar e tomar vários produtos sem receita antes do tempo.

A pessoa deve visitar o farmacêutico local antes de tomar qualquer medicamento sem receita para aliviar os efeitos colaterais da vacina. Como o farmacêutico está ciente dos medicamentos e do histórico médico de uma pessoa, ele tem uma boa compreensão de todas as interações que podem ocorrer.

Mas e se uma pessoa não puder entrar em contato com seu farmacêutico e precisar de alívio imediato de dores musculares, dor no local da injeção, febre ou uma combinação desses problemas? Nesse caso, o seguinte pode ajudar:

  • ibuprofeno (Advil)
  • acetaminofeno ou paracetamol (Tylenol)
  • aspirina

Remédios caseiros para tratar possíveis efeitos colaterais causados por alguma vacina covid-19

Para quem prefere não tomar medicamentos de venda livre ou está procurando tratamentos adicionais, várias técnicas de autocuidado podem ajudar a aliviar os efeitos colaterais da vacinação COVID-19.

Para reações no local da injeção, como dor ou inchaço, use um pano úmido e limpo para criar uma compressa. Isso também pode ajudar com dores musculares e articulares.

Para aliviar a dor ou rigidez no braço, mova-o tanto quanto possível. Isso pode parecer contra-intuitivo e causar um pouco de desconforto, mas ajuda a evitar mais rigidez ao afrouxar os músculos doloridos.

Qualquer pessoa com calafrios e febre baixa deve beber bastante água para evitar a desidratação. Usar roupas leves e vestir-se em camadas ajuda a prevenir o superaquecimento.

O que é ‘braço COVID’?

Este pode ser um efeito colateral da vacinação Moderna COVID-19. É uma erupção na pele vermelha e manchada que pode aparecer ao redor do local da injeção, normalmente cerca de7 dias após receber a primeira dose da vacina, embora o momento possa variar.

Embora o aparecimento da erupção possa ser alarmante, não é uma ameaça à vida. Se essa erupção aparecer e for incômoda, use uma compressa fria – uma toalha úmida e fria ou uma bolsa de gelo enrolada em uma toalha.

Outra opção é falar com um farmacêutico para determinar se tomar um anti-histamínico, como a difenidramina (Benadryl), seria seguro. Os anti-histamínicos podem causar sonolência, portanto, a pessoa não deve dirigir até ter certeza dos efeitos do medicamento.

A erupção tende a durar cerca de 5 dias, mas pode durar até 3 semanas. Não há necessidade de se preocupar se ela se desenvolve depois e dura mais do que outros efeitos colaterais da vacina.

Quanto tempo duram os efeitos colaterais?

Os efeitos adversos das vacinas COVID-19 devem durar apenas por alguns dias. Se durarem mais, entre em contato com um médico.

Alguns efeitos colaterais, como febre, calafrios e fadiga, também são sintomas de COVID-19. É possível pegar uma infecção por SARS-CoV-2 imediatamente antes ou depois de receber a vacina – antes que o corpo tenha a chance de produzir os anticorpos certos e desenvolver imunidade. Além disso, embora as vacinas sejam muito eficazes, não garantem 100% de proteção contra o vírus.

É importante ter em mente que nenhuma vacina pode causar COVID-19 porque nenhuma contém o vírus SARS-CoV-2 completo. Qualquer pessoa que desenvolver COVID-19 após receber a vacina provavelmente foi exposta ao vírus antes de conseguir desenvolver imunidade suficiente.

Se os efeitos colaterais que se assemelham aos sintomas do COVID-19 persistirem, faça um teste do COVID-19 e siga as diretrizes locais sobre auto-isolamento.

Quando ver um farmacêutico

Um farmacêutico pode ajudar a determinar se os medicamentos sem receita são seguros e apropriados para cada pessoa e, em caso afirmativo, quais são as melhores opções.

Eles consideram o histórico de saúde de uma pessoa e garantem que nenhum produto de venda livre interaja com outros medicamentos. Além disso, um farmacêutico pode recomendar remédios caseiros e aconselhar se deve entrar em contato com um médico. Eles também podem explicar como usar um medicamento, como ele funciona e quais efeitos colaterais devem ser observados.

Quando ver um medico

Contate um profissional de saúde se algum dos efeitos colaterais piorar significativamente. Isso pode envolver sensibilidade extrema, dor ou vermelhidão no local da injeção. Além disso, procure atendimento profissional se algum efeito colateral durar mais do que alguns dias.

Qualquer pessoa que possa estar tendo uma reação alérgica grave à vacina deve ligar para o 192 ou receber atendimento médico de emergência. Essa reação pode levar à anafilaxia e pode envolver dificuldade para respirar, fechamento da garganta, edema facial e urticária.

Estas reações à vacina são muito raras e a anafilaxia afeta 2–5 em cada 1 milhão pessoas que recebem a vacina COVID-19.

As reações anafiláticas à vacina tendem a ocorrer rapidamente. Após receber uma dose da vacina, a pessoa será observada por um profissional de saúde por cerca de 15 minutos. Isso é para garantir que, se ocorrer uma reação alérgica, os profissionais médicos estarão disponíveis e preparados para o tratamento.

Monitorando efeitos colaterais

Acima, descrevemos alguns dos efeitos colaterais mais comuns da vacina, mas experimentar outros efeitos adversos não indica necessariamente que algo está errado.

Os efeitos colaterais mostram que a vacina está funcionando, que o corpo está criando anticorpos e desenvolvendo memória imunológica para combater futuras infecções por SARS-CoV-2.

Todos reagem às vacinas de maneira diferente e algumas pessoas apresentam efeitos colaterais mais graves do que outras. A gravidade dos efeitos colaterais não se correlaciona com o nível de imunidade do corpo.

Deixe sua opinião

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗