Uma vaca branca feita de poliéster crucificada em uma cruz branca, em frente a uma “piscina” de leite, dentro de uma igreja tem provocado revolta. Chamada de “Holy Cow” (Vaca Sagrada), do artista plástico Tom Herck, tem atraído a ira dos cristãos na Bélgica.

O site do Observatório de Cristianofobia informou que, ao contrário das afirmações de Herck, a imagem é considerada ofensiva em si mesma.

Alguns cristãos belgas protestaram na porta da pequena capela católica da cidade de Borgloon no domingo (19).

Nos últimos anos foi fechada, mas ainda é um templo cristão, pois ainda pertence à diocese de Hasselt. O lugar foi alugado para funcionar como uma galeria temporária, mas aparentemente não se sabia o que seria exibido nele. Os católicos da cidade estão lembrando uma “profecia” de João Batista Vianney, famoso sacerdote da região no século XIX: “Deixe uma paróquia vinte anos sem sacerdote e terminaram por amar os animais”

De acordo com o site do artista, o propósito da instalação foi um protesto sobre a fome no mundo e gerar um debate sobre o desperdício de alimentos.

“A sociedade ocidental moderna e sua economia não estão conscientes da destruição da terra e do capital humano (a vaca crucificada é um símbolo da indústria alimentar industrial, o leite simboliza o desperdício e a igreja representa uma ruptura com a tradição)”, diz

No entanto, é possível ver nas outras esculturas da exposição que é uma clara provocação ao cristianismo. Uma das peças é uma cabeça de vaca com uma coroa de espinhos na cabeça e uma cruz no focinho. No site de Herck diz que gosta de “questionar o papel da religião”.

Leia também!  Viúva de pastor fundador de megaigreja, processa atuais líderes após ser demitida do ministério

Vaca com uma coroa de espinhos

A exposição permanecerá em vigor até 3 de dezembro e esta sendo celebradas por críticos de arte belgas como “provocantes” e “desafiadoras”, mas para os cristãos que protestavam no domingo, era simplesmente “blasfêmia”.

Este não é o único trabalho de Herck que ridiculariza a figura de Jesus. Na escultura que ele colocou em uma Praça de Bruxelas no ano passado, a imagem de Cristo foi pintada em uma das “cartas” que fazia parte de um castelo de cartões de concreto, onde eram representados os tiranos como Hitler e Napoleão.

Portal Padom

Deixe sua opinião