Noticias gospelA Rede Globo está causando revolta nos evangélicos por causa da personagem Indira (Cris Vianna) da novela  “A Regra do Jogo”. Na trama, a personagem evangélica fez uma “troca de marido” e, agora aconselhou a amiga a “prever o futuro”, o que é condenado pela Bíblia Sagrada.

No folhetim de João Emanuel Carneiro, inicialmente, Indira se envolveu numa troca de maridos, onde ela abandonando o marido Oziel (Fábio Lago) – que a traiu – para ficar com Rui (Bruno Mazzeo). Já Oziel, ficou com a ex de Rui, Tina (Monique Alfradique).

noticias-gospel-novela-rede-globo-evangelicoAgora, a personagem vivida por Cris Vianna revoltou evangélicos porque mostrou como solução para acalmar o coração de Domingas (Maeve Jinkings), ler o futuro na borra de café. O ato é condenável para a fé evangélica, que é fundamentada no texto bíblico de Deuteronômio 18:9-13, onde Deus alerta o seu povo: “Quando entrares na terra que o Senhor teu Deus te dá, não aprenderás a fazer conforme as abominações daqueles povos. Não se achará no meio de ti quem faça passar pelo fogo o seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro, nem encantador, nem quem consulte um espírito adivinhador, nem mágico, nem quem consulte os mortos; pois todo aquele que faz estas coisas é abominável ao Senhor, e é por causa destas abominações que o Senhor teu Deus os lança fora de diante de ti. Perfeito serás para com o Senhor teu Deus”.

Na cena exibida no capítulo da última terça-feira (01), Domingas ainda questiona Indira se sua religião permite. “Mas pode, tua religião permite?”, pergunta a amiga. A personagem evangélica então explica que “Se é do bem, é de Deus”. Logo depois, as duas vão até a cozinha e Indira começa a ler o que estaria escrito e avisa que um novo amor está chegando.

Leia também!  Genro e sogro são fuzilados após cobrarem dívida

Em outubro, para evitar mal-estar com evangélicos, a Globo decidiu cortar uma cena da novela das sete “I Love Paraisópolis”, em que uma adolescente seria apedrejada por evangélicos mais radicais na saída de um terreiro de umbanda. Na ocasião, a sequência foi substituída por um atropelamento .

Deixe sua opinião