Para a Record, o programa “Fantástico”, da Rede Globo, exagerou ao explorar o suposto “sumiço” do cantor Belchior em suas duas últimas edições. De cordo com a coluna Outro Canal, assinada por Daniel Castro na Folha de S. Paulo, os executivos da emissora acreditam que a notícia seria um “artifício” da Globo para evitar derrotas no ibope para “A Fazenda” e a estreia de Gugu Liberato na emissora da Igreja Universal. Ainda segundo a publicação, a Globo sustenta o caráter noticioso do sumiço, afirmando que a produção do programa dominical ouviu mais de 60 pessoas ligadas ao cantor para as quais Belchior não dava notícias há mais de um ano e meio.

Retorno
Segundo informações publicadas na Folha Online, o cantor e compositor Belchior, que recemente foi considerado desaparecido por vários órgãos de comunicação, teria deixado ontem a cidade uruguaia de San Gregorio de Polanco, a 364 km da capital Montevidéu, onde estivera recluso nos últimos meses, voltando ao Brasil.
As informações levantadas pela imprensa diziam que o autor de clássicos da MPB como “Paralelas” e “Velha roupa colorida”, sem esquecer “Como nossos pais”, teria se afastado dos shows e do contato com pessoas próximas. Na entrevista que deu a jornalista Sonia Bridi, da Rede Globo, exibido no “Fantástico”, no domingo, afirmou que não abandonou a carreira, apenas estava desenvolvendo novos projetos.
Não comentou sobre a dívida que teria contraido em hotéis e nem sobre a falta de pagamento de pensão a ex-esposa. “Não falo da minha vida particular, não interesso pela dos outros, por isso não acho importante comentar a minha”, enfatizou. No período em que esteve em San Gregorio de Polanco, Belchior circulou pela cidade fez contatos com artistas e autoridades e promoteu realizar um show em Santiago.

Fonte: A Tarde Online / Correio do Estado/ padom

Deixe sua opinião