Ndalatando – O Pastor da igreja Metodista Unida, Moisés Manuel Zumba, defendeu, domingo último, em Ndalatando, a necessidade da contínua promoção do respeito, carinho e protecção da criança, combatendo-se de forma determinante todas as formas de violência contra ela.O clérigo, que falava num programa radiofónico da Emissora Provincial da Rádio Nacional de Angola, acrescentou que os petizes não devem ser maltratadas no seio da família nem na sociedade.

A Igreja Metodista Unida, refere, desde os primórdios da chegada dos primeiros missionários, sempre considerou a criança como algo muito importante na sociedade.

Comentando o livro bíblico de Marcos:10;13-16, o pastor disse que Jesus defendia que as crianças não deveriam ser maltratadas, porque são a beleza de uma família e sem elas não há alegria.

AngolaPress/padom.com

Deixe sua opinião