homenagem-vitimas-queniaForam acesas 228 velas para lembrar os passageiros da Air France
Um culto ecumênico foi celebrado nesta quarta-feira pela Capelania de Aviação Civil do Quênia em memória das vítimas do voo 447 da Air France. O pastor gaúcho Carlos Walter Winterle, missionário da Igreja Evangélica Luterana do Brasil em Nairobi, foi um dos celebrantes, a convite da Capelania.Segundo Winterle, o culto foi dedicado “aos familiares, amigos e funcionários da companhia aérea, lembrando os que morreram a bordo do avião francês”.

Foram acesas 228 velas para lembrar os passageiros do vôo 447 da Air France. Representantes da França e do Brasil estiveram presentes. A Embaixadora do Brasil no Quênia, Ana Maria Sampaio Fernandes, o Secretário da Embaixada do Brasil, Adam Jayme Muniz, e representantes da comunidade brasileira em Nairobi estiveram presentes e asseguraram apoio aos familiares das vítimas.

pioneiro/padom.com

Deixe sua opinião