O pastor Augusto Riss, de 60 anos, foi encontrado morto no Bosque do Índio, em Umuarama, no noroeste do Paraná. O corpo foi localizado por familiares, com sinais de violência, no fim do sábado (18).

Ele estava desaparecido desde a quinta-feira (16). Seu carro foi encontrado em frente ao bosque, no começo da tarde do sábado, mas a polícia não havia conseguido encontrá-lo no local.

A família disse à polícia que acredita que o pastor foi vítima de uma tentativa de assalto. Por ora, não há nenhuma confirmação por parte da Polícia Civil, que investiga o caso.

Riss era pastor da Igreja Luterana e vivia em São Paulo, atualmente. Ele estava em Umuarama, onde já morou, para visitar parentes.

G1

Deixe sua opinião