JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

Pat Robertson  divorcioO polêmico pastor americano Pat Robertson, que em 2005 pediu publicamente para o assassinato do presidente Hugo Chávez, disse terça-feira que o Islã não é uma religião, conforme publicou o The Huffington Post

De acordo com a Organização Direita, Robertson fez comentários inflamatórios durante seu programa de televisão “The 700 Club”.

Toda vez que você as observa, percebe-se que são pessoas raivosas, é quase como se fossem demoníacas que os leva a matar e destruir e maltratar imolar-se“, disse Robertson sobre o Islã. “É uma religião de caos.”

Continuou dizendo, “Não acredito que a chamam de uma religião, mas que é um bom sistema econômico e político com uma verniz religiosa”.

Em 2009, depois que o Major Nidal Malik massacrou seus companheiros soldados em um tiroteio em Fort Hood, Texas, Robertson disse que o Islã ‘não é uma religião’, mas que também a vê “como um sistema político violento empenhado na derrubada dos governos do mundo e na dominação mundial”.

Portal Padom

Deixe sua opinião

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗