Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.”Salmos 91:1 ARC

Deus é soberano e onipotente, o que significa que Ele é onisciente e está em todos os lugares simultaneamente. Essas são verdades reconfortantes em um mundo cheio de dor, calamidade e injustiça. “Como um pássaro protegendo seus filhotes”, a paráfrase da VOZ do versículo 4 diz: “Deus o cobrirá com Suas penas, o protegerá sob Suas grandes asas; Sua fidelidade formará um escudo ao seu redor, uma parede sólida para protegê-lo.” Quando nos voltamos para Deus, encontramos o braço pacífico e poderoso de Sua proteção. As Notas da Bíblia de Estudo NIV proclamam o Salmos 91 como “um testemunho brilhante da segurança dos que confiam em Deus”.

A oração é poderosa, e nosso Pai Celestial nos ouve e responde. As palavras do Salmos 91 nos guiam em oração pela proteção e refúgio de Deus de todas as coisas que a vida nos lança.

Por que orar o Salmo 91?

“Direi do Senhor : Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei.” – Salmos 91:2

Este Salmo é um dos poucos colocados na Bíblia para mencionar os anjos da guarda, o exército celestial de Deus que divinamente protege Seus filhos sob Seu comando. 

Envia a tua luz e a tua verdade, para que me guiem e me levem ao teu santo monte e aos teus tabernáculos.” – Salmos 43:3 

Os anjos aparecem esporadicamente em toda a Bíblia. Por exemplo, na noite em que Cristo nasceu, eles cantaram no céu noturno para os pastores no campo, e quando Maria e José foram visitados em preparação para a chegada de Jesus na terra. “Deus não está sozinho em manter e proteger Sua criação e Seu povo”, a paráfrase da VOZ explica: “Ele fez uma hoste de mensageiros celestiais prontos para cumprir Sua ordem, e Sua ordem muitas vezes é proteger Seu povo por toda a vida e protegê-los, às vezes de perigos dos quais eles nem estão cientes.

Deus deseja um relacionamento conosco. Jesus veio à terra para rasgar a cortina do templo em duas por seu sacrifício na cruz. O tão esperado Messias era tudo o que Deus prometeu que seria. Por meio de Cristo, somos resgatados e redimidos. Podemos confiar nas promessas de Deus. O salmista escreveu, orou divinamente e escreveu palavras para nos comunicarmos e compreendermos melhor a Deus. Nosso Pai Celestial desce e conecta divinamente os acontecimentos de nossa vida diária ao Seu grande propósito para o nosso ser. “Quaisquer que sejam os problemas que enfrentamos hoje”, escreve Debbie McDaniel, “Deus é o lugar de refúgio para o qual podemos correr, Ele é o nosso lugar seguro”.

O que o Salmo 91 diz sobre a proteção e o amor de Deus?

Porque tu, ó Senhor, és o meu refúgio. No Altíssimo fizeste a tua habitação. Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.” – Salmos 91:9,10

A proteção e o amor de Deus não borbulham e bloqueiam todos os aspectos complicados e prejudiciais da vida humana na Terra. Mas Ele nos oferece abrigo no meio da tempestade e uma nova perspectiva para ver as coisas por meio de um telescópio eterno, em vez de uma pequena tela exibindo nossas circunstâncias atuais. “Veja!” A paráfrase da VOZ de Êxodo 23:20 exclama:“Eis que eu envio um anjo diante de ti, para que te guarde pelo caminho, e te leve ao lugar que te tenho preparado.”

Deus está sempre trabalhando, embora não possamos vê-lo, ou o que está à nossa frente nos próximos minutos, horas ou dias. Os anjos cumprem Suas ordens e, quer o sintamos ou não, Ele cobre nossas vidas no refúgio protetor de Seu amor. Nos primeiros dois versículos, o salmista escreveu quatro nomes para Deus: o Altíssimo, o Todo-poderoso, o Senhor e o meu Deus. “No intervalo de apenas dois versículos, vemos a beleza de Deus:” Jason Soroski observa, “Seus caminhos são mais elevados do que os nossos, mas podemos falar com Ele como um amigo”. Nosso bom Deus pode ser confiável, por causa de quem Ele é. “Sabemos que os planos de Deus para este mundo são seguros”, afirmou Lianna Davis.

Qual é a mensagem central do Salmo 91?

“Porquanto tão encarecidamente me amou, também eu o livrarei; pô-lo-ei em retiro alto, porque conheceu o meu nome. Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei. Fartá-lo-ei com longura de dias, e lhe mostrarei a minha salvação.” –  Salmos 91:14-16

O Salmo 91 proclama segurança e vitória para o povo de Deus. “Algumas ameaças estão à nossa espera, algumas surgem sorrateiramente; alguns são nossos próprios temores, reais ou imaginários, alguns refletem hostilidade; alguns, novamente, encontramos no caminho da vida. A vida é assim”, explica o Novo Comentário Bíblico ,“Mas a simples confiança nos leva a um lugar de forte defesa, o calor pessoal do cuidado divino, a defesa prometida e uma hoste de guardiões celestiais a cada passo do caminho. ” Estamos protegidos e seguros nos braços de Deus.

No entanto, o mundo e seu caos irão inevitavelmente esbarrar em nossas vidas. O escritor do Salmo não está proclamando que algum dia seremos invencíveis como seres humanos na terra. Mas o poder de Deus supera a maldição do pecado em todos os sentidos. Jesus venceu a morte e a escolha de abraçar a liberdade na presença de Deus na nossa. O Salmo 91 “fala da presença, do poder e da proteção de Deus contra o medo”, explica  Heather Riggleman: “O medo é uma emoção que Deus não deseja nos dominar; porque quando tememos, isso revela em nossos corações como estamos confiando em nossos próprios esforços e não em nosso Salvador.” O Moody Bible Commentary explica: “O Salmo 91 incentiva os leitores a encontrarem refúgio em Deus quando ainda não experimentaram o cumprimento de todas as promessas de Deus”.

O que fazemos quando o caos deste mundo atinge nossa realidade? Pulamos em sua montanha-russa emocionalmente reativa e buscamos respostas definitivas em notícias e outras pessoas? Ou fazemos uma pausa e silenciosamente entregamos nossa confiança e temperamento ao nosso Deus soberano, que comanda um exército de anjos em nosso nome? Paulo naufragou, foi espancado e preso. Ele orou para que Deus removesse um espinho de sua vida. Mesmo assim, ele proclamou em sua carta à igreja de Corinto o que o Senhor lhe disse: “A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza” (2 Coríntios 12:9). Estamos eternamente seguros nos braços de nosso Pai por meio da salvação que recebemos em Jesus Cristo.

Como orar Salmos 91

“Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.” – Salmos 91:11

Esta oração é uma paráfrase do texto bíblico. Ao orarmos esta oração hoje, que Deus eleve nossos corações e encoraje nossas almas enquanto continuamos a atravessar um ano difícil. Por mais desesperadoras que pareçam nossas circunstâncias, não esqueçamos que nosso Deus é o Deus dos milagres e comandante dos exércitos de anjos.

Pai,

Altíssimo Deus, eu moro em Seu abrigo e permaneço em Sua sombra. 

Tu, Senhor, és o meu refúgio e a minha fortaleza, o meu Deus, em quem confio.

Você é fiel para me livrar dos meus inimigos e me curar das doenças. 

Tu me cobrirás e sob as tuas asas encontrarei refúgio; Sua fidelidade será meu escudo. 

Não temerei o terror da noite, a calamidade de cada dia, ou a destruição e a injustiça desenfreada no mundo. 

Embora a instabilidade se alastre ao meu redor, Sua paz, a paz que ultrapassa todo entendimento, me envolverá e confortará. 

Eu proclamo: Tu és o meu refúgio, Senhor, e eu faço de Ti, o Altíssimo, a proeminência do meu coração. 

Nenhum dano me dominará, nenhum desastre chegará perto de mim, enquanto eu permanecer firme em Sua armadura. 

Você vai comandar seus anjos sobre mim, para me proteger em todos os meus caminhos. Eles vão me levantar em suas mãos para me proteger e proteger de tropeçar e cair.

Você luta contra meus inimigos antes que eu precise levantar um dedo ou dizer uma palavra. Juro viver minha vida em submissão a Você diariamente. 

Porque eu te amo, Senhor, tu prometeste me resgatar. Você me protegerá, pois reconheço Seu nome. Vou invocar Você e Você vai me responder. 

Você estará comigo em apuros,

Você vai me libertar e me honrar.

Em Cristo, eu testemunho a tua salvação , e viverei eternamente contigo, Senhor meu Deus.

Em nome de Jesus,

Amém. 

Conclusão

O Salmo 91 nos lembra de confiar em Deus, não nas coisas deste mundo que não são confiáveis ??e inevitavelmente passam. A paráfrase do Salmo 91:14-16 diz:

Porquanto tão encarecidamente me amou, também eu o livrarei; pô-lo-ei em retiro alto, porque conheceu o meu nome. Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei. Fartá-lo-ei com longura de dias, e lhe mostrarei a minha salvação.”

Deus se preocupa com cada um de nós individualmente. Às vezes, somos apanhados pela calamidade deste mundo e esquecemos o cuidado que Deus teve ao criar cada um de nós. Todos nós temos um propósito único e o amor de nosso Pai Celestial. Ele conhece as páginas do nosso coração melhor do que nós. Quando O buscamos nas Escrituras, como fazemos no Salmo 91 hoje, temos a promessa de encontrá-lo.

por: Meg Bucher

traduzido e adaptado por: Pb. Thiago D. F. de Lima

Deixe sua opinião