Com o coronavírus afetando todos os países, houve um aumento na demanda por equipamentos de proteção individual (EPI) para profissionais de saúde. Uma mulher que nasceu sem os braços não deixou sua deficiência impedi-la de ajudar a fornecer EPI para as linhas de frente.

Nascida sem braços 

Norfarrah Syahirah Shaari é de Perak, Malásia. Quando as notícias do surto de coronavírus COVID começaram na Malásia, ela sabia que tinha que fazer algo para ajudar a proteger os profissionais de saúde. A jovem de 32 anos passou a fabricar roupas de proteção para os hospitais localizados em sua área. Ela é voluntária através de um programa de responsabilidade social corporativa conhecido como #DariKomunitiUntukKomuniti. Shaari revelou que o programa tem 35 pessoas envolvidas e espera fazer 252 vestidos de isolamento.

Cada voluntário tem um papel diferente. Alguém mede e corta o tecido, outro desenha a polar e outra pessoa costura o EPI. Eu posso costurar oito vestidos de EPI por dia. Vamos coletar todos os EPIs na segunda-feira antes de distribuí-los para a linha de frente.” Shaari declarou: “Sinto-me orgulhosa de fazer parte deste programa e isso é a pequena coisa que podemos fazer para ajudar nossos profissionais de saúde”.

Eu tenho que aprender a me adaptar às demandas da vida cotidiana usando meus pés. Aprendi alfaiataria sozinha há oito anos porque precisava fazer roupas especiais para mim”, ela compartilhou. “Alguns até perguntam, como eu enfio uma agulha? Bem, no começo foi muito difícil e exigi muita paciência, mas consegui fazê-lo. Agora, levo apenas um segundo para enfiar a agulha usando meus pés.

A tenacidade de Shaari em avançar na vida inspirou muitos. Ela ganhou as manchetes pela primeira vez na Malásia quando conseguiu a carteira de motorista apenas com os pés. Segundo Upworthy, Shaari “acredita que Deus não sobrecarregaria uma alma com mais do que ela poderia suportar”.

Assista ao vídeo de Shaari operando uma máquina de costura com apenas os pés:

https://facebook.com/NorfarrahSyahirah/videos/3051584764893365/

Deixe sua opinião

WhatsApp
Entre e receba as notícias e artigos do dia