Uma mulher que acabou de abortar seu bebê de 28 semanas na Tailândia, entregou a criança morta para seu ex-namorado em uma caixa e embrulhada em uma toalha branca.

A história horrível foi relatada pelo Bangkok Post, que chamou a criança abortada do terceiro trimestre de “feto”.

A polícia está procurando pela mulher de 21 anos que supostamente fez um aborto e entregou o bebê morto a seu ex-namorado em sua casa no distrito de Samrong Nua.

A mulher, identificada como Waew, saiu de casa e entregou a caixa à irmã do ex-namorado e pediu que ela a passasse ao irmão. Waew então saiu rapidamente em um táxi.

Waew disse à polícia que, quando disse ao namorado que estava grávida, ele lhe pediu que ficasse com o bebê.

Uma carta que supostamente acompanha a caixa contendo o bebê abortado descreve os sentimentos dolorosos.

Na carta, a mulher disse que o namorado foi cruel e insensível ao trocá-la por uma nova namorada quando ela estava grávida.

Ela escreveu que foi deixada para passar pela gravidez sozinha e que esperava que o bebê morto servisse como um lembrete da irresponsabilidade do namorado.

Deixe sua opinião