Um casal de médicos da linha de frente se casaram durante essa batalha contra o coronavírus COVID-19 e imediatamente retornaram ao trabalho para salvar mais vidas após o dia do casamento.

Médicos da linha de frente

Dianne Ruedas e John Paolo Bueno são médicos que atendem sua comunidade na batalha contra o coronavírus. O adorável casal planejava se casar no dia 17 de maio. No entanto, o surto de COVID-19 atingiu as Filipinas, deixando-as sem opção a não ser adiar o dia do casamento.

“Estávamos prontos para casar na Catedral de Manila em 17 de maio, com uma festa de recepção no Hotel Manila. Os convites já foram enviados. Tudo já estava planejado e pronto, mas, devido à pandemia, não tivemos escolha a não ser adiar”, disse Dianne.

Bênção de Deus

Em vez de esperar que essa pandemia termine, o casal decidiu fazer um casamento simples no dia 30 de abril. Eles enfatizaram que o que eles mais precisavam durante o dia do casamento não é uma celebração extravagante, mas a bênção de Deus. Eles tiveram dois de seus colegas presentes como testemunhas e comemoram sua nova vida como casal.

“Eu sabia em meu coração que ele era o único e percebemos que não precisamos de um casamento extravagante para celebrar nosso amor. Só precisávamos da bênção e graça de Deus, especialmente agora nestes tempos difíceis”, disse ela.

Logo após o casamento, em vez de sair em lua de mel, eles voltaram ao hospital para salvar mais vidas.

“Estamos ansiosos por dias melhores. Como linha de frente desta guerra contra o Covid-19, não há mais nada que queremos, a não ser que tudo termine e tudo volte ao normal ”, acrescentou.

Fé, esperança e amor

John Paolo também postou a foto em frente à igreja onde se casaram. Em seu post, ele enfatizou que fé, esperança e amor são o que eles precisavam como casal recém-casado durante esse período difícil.

“Esperamos colocar em prática a fé um no outro”, disse John Paolo. “Espero que os dias melhores venham e sempre nos amemos, como prometemos na frente de nosso Senhor.”

Deixe sua opinião