JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

juliano-verbardO líder de uma seita religiosa, que cumpria uma pena de 15 anos de prisão por violações e abusos sexuais a crianças, evadiu-se ontem de helicóptero da cadeia de Saint-Denis, na ilha francesa da Reunião, no Oceano Índico. Acompanharam-no na fuga dois dos seus seguidores, um dos quais é o seu amante.

De acordo com informações avançadas por jornais daquela ilha francesa, três cúmplices no exterior – todos eles armados – começaram por alugar um helicóptero para um alegado passeio turístico e forçaram depois o piloto a aterrar no pátio da prisão.

Em seguida, subiu para o aparelho Juliano Verbard, de 27 anos, que liderava a seita, denominada ‘Coração Doloroso e Imaculado de Maria’. Juntamente com o líder da seita, que era tratado por ‘Petit Lys d’Amour’ (‘Pequeno Lis de Amor’) pelos membros da seita que liderava, escaparam ainda Fabrice Michel, a quem os órgãos de Comunicação Social da ilha da Reunião se referem como o amante de Juliano, e também o pai deste, Alexin Jismy Michel.

Depois de consumada a espectacular fuga da cadeia de Saint-Denis, na capital daquela ilha, o helicóptero deixou os três fugitivos numa outra área da cidade. Os evadidos prosseguiram depois a fuga por estrada, fazendo-se transportar numa furgoneta.

Fonte: Correio da Manhã
www.padom.com

Deixe sua opinião