JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

MADRI, 30 JUL (ANSA) – O jogador Kaká, do Real Madrid, afirmou que o brasileiro Ronaldo é como “um pai” para ele, Zinedine Zidane “um exemplo” e Deus “um guia diário”.
Em entrevista ao jornal AS, Kaká declarou que o compatriota “tem sido como um pai, desde que cheguei à seleção do Brasil em 2002”. “Por isso, tenho um carinho especial por ele que me ajudou a tomar esta decisão”, contou Kaká, referindo-se à transferência para o Real após seis anos no italiano Milan.Eleito o melhor jogador do mundo em 2007, Kaká — que começou a treinar com o Real Madrid esta semana — é um dos oito novos jogadores do time presidido por Florentino Pérez, que pretende criar uma segunda equipe “galáctica”.
O brasileiro, de 27 anos, mostrou-se feliz por estar no clube e disse esperar “importantes conquistas”. Durante a entrevista, ele também revelou que recusou a camisa número 5, que era de Zidane e que foi oferecida pelo Real, porque no Brasil esse número “é para um jogador defensivo”. “Preferi ficar com a 8, que era a camisa que vestia pelo São Paulo”, afirmou.
Ao ser questionado sobre o que achava de Zidane, Kaká classificou-o como uma “lenda do futebol, tanto com a França quanto com o Real Madrid”.
Consultado também sobre suas crenças religiosas, o brasileiro disse ter crescido em uma comunidade evangélica. “Meus país me ensinaram e me educaram lendo a Bíblia. Para mim, Jesus é fundamental em minha vida. É a parte de minha vida diária”, declarou. (ANSA)

padom

Deixe sua opinião

JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗