Igrejas são destruídas e transformadas em templos budistas no Mianmar

60 igrejas cristãs foram destruídas pelas forças militares em Mianmar, sendo que 20 destas se tornaram templo budistas.

0
222
igrejas templo budistas mianmar
60 igrejas cristãs foram destruídas pelas forças militares em Mianmar, sendo que 20 destas se tornaram templo budistas.

As forças militares em Mianmar destruíram cerca de 60 igrejas cristãs e tornaram algumas dessas propriedades em templos budistas, segundo pode constatar um pastor americano, que viajou para a região recentemente.

Bob Roberts, pastor da Igreja Northwood em Keller, Texas, conhecido por trabalhar com líderes inter-religiosos para promover a tolerância religiosa no mundo, viajou ao estado de Kachin, em Myanmar (antiga Birmânia).

O pastor viajou para lá para ver por si mesmo os horrores que aconteceram em Kachin ultimamente, desde o exército de Mianmar intensificou seus ataques contra o exército da independência de Kachin e o povo predominantemente cristão.

“Nos últimos 18 meses, foram bombardeadas 60 igrejas. Das 60 igrejas que foram bombardeadas, 20 dessas propriedades foram substituídas por templos budistas. É uma coisa muito séria“, disse Roberts em uma entrevista ao Christian Post “Para ser mais claro, é uma limpeza étnica “, acrescentou.

“Há muito medo na região e o povo de Kachin não pode fugir do país porque as autoridades dos países limítrofes da China e da Índia não permitem a travessia”, disse Roberts. Aproximadamente 130.000 pessoas de Kachin estão agora buscando refúgio como pessoas internamente deslocadas dentro de igrejas batistas em todo o estado.

“Passei algum tempo conversando com um homem que estava com seu filho cuidando de seu gado no campo e de repente havia aviões de combate e helicópteros e eles começaram a atirar e mataram seu filho e atiraram nele no joelho“, disse Roberts. “Ele teve que se apressar para enterrar seu filho e depois deixar a cidade.”

Segundo Roberts, houve mais de 600 encontros violentos com aviões e helicópteros no estado de Kachin no ano passado.

Uma das conclusões mais importantes que Roberts teve da viagem foi que o povo de Kachin lhe disse que “eles se sentem esquecidos pela igreja ocidental.”

Portal Padom

Deixe sua opinião

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui