Notícias gospel – Cerca de 1000 pessoas se reuniram na Igreja Presbiteriana de Toronto no Canadá neste domingo (20) para realizar uma vigília de oração em favor do pastor Hyeon Soo Lim que recebeu uma sentença de prisão perpetua do Tribunal de Justiça da Coréia do Norte.

pastor-hyeon-soo-limO reverendo Jason Noh, que foi o responsável por conduzir a reunião, disse para as pessoas que estavam reunidas, que apesar da sentença dura, o pastor Lim está em estado inabalável de fé no Senhor.

De acordo com informações do jornal Christianpost, o pastor está obtendo ajuda do consulado do Canadá na Coréia do Norte, e diplomatas canadenses estão trabalhando para tentar reverter a sentença dada ao pastor.

O pastor foi condenado sobre a acusação de persuasão e também por incitar o povo norte-coreano contra o governo.

De acordo com o porta voz do Consulado do Canadá, François Lasalle, ele alega que a Coréia do Norte está violando a Convenção de Viena sobre Relações Consulares, recusando-se a permitir que as autoridades canadenses possam se encontrar com o pastor em uma base regular.

“O Sr. Lim foi preso desde fevereiro e apesar de repetidos pedidos, as autoridades canadenses não têm sido capazes de encontrar com ele para verificar seu estado de saúde e bem estar. O julgamento foi a nossa primeira oportunidade de vê-lo. Esta é uma grave violação dos da Convenção de Viena sobre Relações Consulares e ao direito dos Estados a ter acesso consular aos seus cidadãos”, disse Lasalle em uma entrevista recente.

Leia também!  Neymar pediu ajuda de pastor após ser chamado de macaco

O reverendo disse à igreja que “o pastor Lim sabe que nossa congregação está orando por ele. Ele quer que a gente sabe que ele está fazendo o bem”.

O pastor foi condenado na realidade por pregar o evangelho no país comunista.

 

 

André Santos

Portal Padom

Deixe sua opinião