Igreja expulsa idosa de 103 anos por ter criticado o pastor

0
184

Noticias gospel – Uma generosa mulher de 103 anos de idade, foi expulsa de sua igreja logo após falar contra o seu pastor. Genora Hamm Biggs, conhecida como a “mãe da igreja”, tem congregado na Union Grove Baptist Church em Elberton, na Geórgia, a mais de 92 anos.

Mas ela ficou inconsolável depois que recebeu uma carta da igreja onde informavam que ela está proibida de pôr os pés dentro da igreja que tanto ama.

Fiquei chocada! Eu não estava esperando isso. Não estou feliz que eles estão tentando me colocar para fora nessa idade“, disse ela ao Daily News. “Tenho congregado ali desde quando eu tinha 11 anos“, disse ela.

O problema em questão é que Biggs sente que o reverendo Tim Mattox está mudando seu estilo de pregação e tirando a santidade da igreja.

noticias-gospel-igreja-expulsa-senhora-Ele é um santo, um ministro santificado, somos batistas e ele tem dividido a igreja“, disse Hamm Biggs. Pouco depois que ela expressou a sua opinião, chegou a carta enviada pelo correio certificando que Hamm Biggs perdeu seus privilégios como membro, além de ser expulsa da igreja.

A devota cristã é uma ex-funcionária da cidade e serviu como professora de uma escola local onde ensinou o primeiro grau por mais de 40 anos. Tim Mattox, o pastor da Union Grove Baptist Church foi um de seus ex-alunos.

 

A anciã conta que ora diariamente, segundo ela sua fé está sendo posta em prova após receber essa carta. No entanto, Hamm Bigg, desafiou as ordens da igreja e quis entrar no templo, mas se encontrou com o pastor que chamou a polícia para escolta-la até a saída do templo.

Eu fiquei chocada. Não foi uma boa sensação. Não vi nada como isto antes“, disse ela sacudindo a cabeça.

Os policiais de Elberton dizem que é uma questão civil e não fizeram nenhuma prisão. O neto de Hamm Biggs, Eliott Dye, que é membro da igreja a mais de 30 anos, e Kevin Hamm um ministro ordenado dizem que também foram expulsos. Mas estão muito mais chateados com o que aconteceu com Hamm Biggs.

No entanto, ela tem recebido o apoio de um bom número de 150 fiéis da igreja. Ezell Land, diácono na igreja, disse que a família de Biggs literalmente fundou a igreja, dizendo que isso simplesmente “Não está certo!”.

No entanto, ela não está disposta a abandonar a Igreja, ela planeja voltar. “Claro que vou voltar, se eu for capaz. Aqui é aonde eu estive toda a minha vida. Eu não posso abandonar agora”.

Portal Padom

Deixe sua opinião