JUNTE-SE AO NOSSO GRUPO no Telegram ou WhatsApp. Oferecemos o que há de mais relevante em notícias e conteúdo cristão 🤗

Notícias gospel O país da Costa Rica vive uma onda de violência tremenda nesses últimos anos, gangues e facções criminosas dominam a periferia da capital do país San Jose, e impõe suas próprias leis a base da violência.

De acordo com a reportagem da CBN, a insegurança e a violência, fez com que o governo da Costa Rica tomasse uma decisão inédita no país. O Ministério da Segurança Pública está realizando um trabalho em conjunto com Igrejas Evangélicas para tentar solucionar o caos que vive a cidade.

Seguridad CR_LGO presidente da Costa Rica, Luis Guillermo Solís, afirmou que o projeto de parceria com as igrejas evangélicas iniciara em dezembro desse ano.

Autoridades e membros das Igrejas Evangélicas tiveram um fórum, onde eles concordaram em realizar workshops para discutir medidas efetivas em conjunto.

A proposta levantada no fórum pelo diretor da Força Pública, Juan José Andrade, inclui o projeto em outras províncias em todo o país para enfrentar a onda de violência.

Segundo o deputado Gonzalo Ramirez, igrejas e organizações cristãs já desenvolvem trabalhos em áreas vulneráveis, com as famílias em crise e jovens com problemas de dependência de drogas e isso facilitara a implantação do projeto.

“É na família onde os valores são instituídos. Precisamos trabalhar de mãos dadas com a polícia e unindo esforços e experiências”, afirmou Ramirez.

A Organização de Investigação Judicial de Dados (OIJ) indica que de janeiro a junho deste ano, houve 269 homicídios no país; Isso significa um aumento de mais de 90 homicídios ocorridos no ano passado no mesmo período.

O último relatório do Estado da Nação, também indica que no ano passado, houve um aumento da violência associada com crimes de tráfico de drogas.

De acordo com as autoridades, as áreas mais vulneráveis, a igreja já opera, e isso facilitara um trabalho em conjunto das autoridades com os projetos desenvolvidos que buscara através da parceria, diminuir os índices de crimes que principalmente a capital do país San Jose vive atualmente.

Essa parceria que acontece na Costa Rica podia se desenvolver aqui no Brasil também, o que acham, deixe suas opiniões.

 

Portal Padom

André Santos

[email protected]

Deixe sua opinião