Ex-ateia diz que foi ao céu e reuniu com Deus durante nove minutos

0
302

Noticias Gospel Uma ex-ateia do estado de Oklahoma, nos Estados Unidos, conta que ficou morta por nove minutos em um hospital, e afirma que durante este tempo se encontrou com Deus no céu. A professora Crystal McVea, 36, esteve sem os sinais vitais durante nove minutos depois que os médios lhe deram uma sobredose de analgésicos no hospital.

Casada e mãe de quatro filhos, McVea conta que foi abusada sexualmente quando era criança e foi submetida a um aborto quando era adolescente, sendo esses uns dos motivos que a levaram a acreditar que Deus não a amava porque simplesmente não existia.

No entanto, ela afirma que em dezembro de 2009, foi elevada a um hospital para tratar de pancreatite quando recebeu acidentalmente uma sobredose de medicamentos para a dor. McVea, diz que a última coisa que se lembra era estar recebendo a medicação e dormir. Em nove minutos depois que os médicos lutavam para reanima-la e seu coração parou de bater.

Ela diz que, depois de fechar os olhos, a próxima cosia que consegue se lembrar é de ter acordado no céu, na qual ela descreve como ‘um lugar de paz’. Ela disse então que se encontrou com dois anjos e que, pouco depois Deus lhe apareceu, mas não em forma humana, mas como uma presença que podia sentir e sabia quem ele era.

Em seguida, diz que Deus invocou a imagem de uma jovem menina, rindo e brincando. Ela acredita que a menina era uma versão de si mesma antes do abuso sexual que a fez perder a fé. Assim, de acordo McVea, depois de estar na presença de Deus e ver a versão inocente de si mesma, um peso lhe foi tirado de seu passado obscuro.

Só me lembro que me sentia livre de todas as mentira que eu havia vivido e a mentira de que Deus não me queria – disse ela em uma entrevista a New York Daily News.

McVea disse que sentia uma grande alegria durante o tempo que disse que esteve no céu, quando Deus lhe perguntou se queria voltar , ela decidiu que queria ficar no céu. Ela também diz que somente percebeu que a sua mãe lhe chamava em sua cama do hospital, fazendo com que ela mudasse de ideia e quisesse voltar.

– Me sentia tão mal (com minha mãe), assim que ouvia sua voz, e Deus disse: “Diga a eles que você lembra”, conta McVea, afirmando que no mesmo instante voltou à vida em seu quarto de hospital.

Casos como este têm acontecido outras vezes, o neurocientista Dean disse em um relatório publicado na revista Scientific American que tais experiências são uma resposta biológica aos efeitos colaterais dos medicamentos, no caso de McVea, os analgésicos que causaram a overdose.

No entanto, McVea disse que sua experiência era real e não deixará de contar aos outros a sua história. Para compartilhar sua experiência com o mundo, escreveu um livro sobre seus nove minutos no o céu, intitulado “Awakening in Heaven.

E você, acredita nessas experiências? Deixe o seu comentário abaixo e compartilhe essa noticia  com seus amigos.

 

Portal Padom

Deixe sua opinião

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui