A medalhista olímpica de ouro Shawn Johnson sentou-se para uma entrevista para o seu último vídeo ‘I am Second’. Desta vez, a ex-ginasta se abre sobre o que ela chama de “a coisa mais difícil que eu já tive que passar”.

“Desde a minha última participação da ‘I am Second’,  White Chair, quando eu tinha 20 anos, eu diria que a maior mudança na minha vida foi que me casei. O que é uma loucura!” Johnson diz no vídeo enquanto irradia de orelha a orelha.

Em 2016, ela se casou com o jogador de futebol da NFL Andrew East .

Ele e Johnson se conectaram com as pressões de ser um atleta competitivo e alcançar um grande sucesso em uma idade jovem.

“Levou-me dois anos para perceber que o meu valor não está no futebol”, explicou East.

É uma mensagem que ecoa a mesma que Johnson compartilhou em seu primeiro vídeo “Sou o segundo” de dois anos atrás. Depois de ganhar uma medalha de prata nas Olimpíadas de 2008, ela teve que aprender rapidamente que seu valor não estava em quantas medalhas de ouro ela ganhou, mas apenas em Cristo.

Quase uma década depois, Johnson foi confrontada com sua maior batalha – a gravidez.

“Eu temi a minha vida inteira que eu não seria capaz de engravidar”, explicou ela.

Surpreendentemente, ela ficou.

“Quando descobri que estava, é o melhor momento do mundo porque foi basicamente o milagre de Deus: ‘Sim, você feriu seu corpo por tantos anos, mas isso ainda pode acontecer'”, disse Johnson. “Fiquei uma semana sem estar com meu marido antes que pudesse contar a ele.”

Quando ela finalmente contou ao marido, isso desencadeou uma onda de emoção.

“Eu disse a ele pessoalmente e nós dois começamos a chorar… e então foi literalmente no dia seguinte que nós abortamos“, ela compartilhou.

Os mesmos sentimentos de culpa e vergonha que Johnson experimentou durante as Olimpíadas de 2008 voltaram com força total.

“Eu tinha esses sentimentos de culpa, ‘Se eu não posso nem cuidar de uma criança por uma semana no meu estômago, não posso criar uma criança sozinha’.” Senti-me culpada por Andrew ter perdido o filho e me senti culpada por Deus por ter perdido o filho Dele. Foi apenas esse momento super emocional, provavelmente foi à coisa mais difícil que eu já tive que passar.

O casal decidiu compartilhar suas experiências em um vídeo do Youtube e ficou surpreso com a quantidade de apoio que recebeu de todo o mundo. No entanto, eles dizem que a Bíblia é o único lugar onde eles receberam a verdadeira cura.

“Não há mais palavras encorajadoras, não há nada que possa realmente ajudá-lo em tempos difíceis do que conhecer as Escrituras“, disse East.

“Não importa o que você passe, você sempre sairá disso e eu acho que se você acreditar Nele e tiver fé Nele, você sairá mais forte do que era antes”, Johnson compartilhou.

O que é I Am Second?

I Am Second (Eu Sou o Segundo) é um movimento de multimídia e uma organização sem fins lucrativos, criada para inspirar as pessoas a colocarem Jesus Cristo em primeiro lugar. Fundada pelo CEO e Presidente do  Interstate Battery System of America, Norm Miller, e em parceria com um grupo de indivíduos do Ministério e3 Partners Ministry, Eu sou segundo tornou-se uma plataforma para a evangelização cristã.

Deixe sua opinião