Coronavírus – Fiéis são infectados ao receber visita de pastor que testou positivo para Covid-19

Coronavírus: fiéis são isolados por autoridades médicas após receberam visita de pastor infectado pelo Covid-19, alguns deles também foram infectados.

0
108

Coronavírus – Cerca de 10 famílias foram isoladas após o contato com um pastor evangélico  que deu positivo para o Covid-19. O fato ocorreu na cidade de Cervantes, no Rio Negro (Argentina).

O líder que pertence à igreja no bairro de Puente Cero, onde vivem cerca de 800 habitantes, estaria visitando os fiéis e vizinhos durante a quarentena.

Isso ocorre, apesar do fato de que o distanciamento social devido à pandemia deve ser mantido.

Pastor e os fiéis infectados

Tanto o pastor como um dos fiéis que pareciam infectados com coronavírus estão hospitalizados.

Depois que os dados foram conhecidos e confirmados, uma equipe de profissionais do hospital de Cervantes partiu em busca de vínculos epidemiológicos.

A ação foi realizada levando em consideração a forte presença do pastor naquele bairro localizado a leste do general Roca.

Em poucas horas, 24 casas foram visitadas e 10 famílias, totalizando 31 pessoas, foram isoladas. No total e levando em consideração a soma de todos os casos, já existem 100 pessoas isoladas“, afirmou o diretor do hospital.

As autoridades de saúde não descartam que mais casos ocorram na localidade, levando em consideração as características do comportamento do pastor.

Vale notar que nesta cidade a disseminação do vírus foi extremamente desencadeada.

Em questão de horas, a cidade de 12.000 habitantes se tornou um foco de coronavírus.

As autoridades se pronunciam

Depois de tomar conhecimento sobre o contágio do pastor, eles buscam refrear a multiplicidade entre os fiéis, por esse motivo alguns foram isolados e submetidos ao teste Covid-19.

Dado o fato, o prefeito da região expressou “Eu acho que na maioria dos casos houve muita irresponsabilidade porque as medidas necessárias não foram tomadas e agora temos muitos casos que acabam afetando a todos nós“.

No entanto, ele pediu ajuda ao ministro da Saúde, Fabián Zgaib, e ao ministro do governo, para interromper a multiplicação de casos o mais rápido possível.

Coronavírus Covid-19
coronavírus

COVID-19 sintomas mais e menos comuns

A COVID-19 afeta diferentes pessoas de diferentes maneiras. A maioria das pessoas infectadas apresentará sintomas leves a moderados da doença e não precisarão ser hospitalizadas.

Sintomas mais comuns:

  • febre
  • tosse seca
  • cansaço

Sintomas menos comuns:

  • dores e desconfortos
  • dor de garganta
  • diarreia
  • conjuntivite
  • dor de cabeça
  • perda de paladar ou olfato
  • erupção cutânea na pele ou descoloração dos dedos das mãos ou dos pés

Sintomas graves:

  • dificuldade de respirar ou falta de ar
  • dor ou pressão no peito
  • perda de fala ou movimento

Procure atendimento médico imediato se tiver sintomas graves. Sempre ligue antes de ir ao médico ou posto de saúde, clínicas ou hospitais.

Pessoas saudáveis que apresentarem os sintomas leves devem acompanhar seus sintomas em casa.

Em média, os sintomas aparecem após 5 ou 6 dias depois de ser infectado com o vírus. Porém, isso pode levar até 14 dias.

SIGA AS 5 DICAS de prevenção do coronavírus

Ajude a combater o coronavírus

  1. MÃOS – Lavar frequentemente
  2. COTOVELO – Usar para cobrir a tosse
  3. ROSTO – Não tocar
  4. ESPAÇO – Manter a distância segura
  5. CASA – Não sair, se possível

Proteja a si mesmo e as pessoas ao seu redor conhecendo os fatos e tomando as precauções apropriadas. Siga os conselhos fornecidos pela sua agência local de saúde pública.

Para evitar a propagação da COVID-19:

  • Lave suas mãos com frequência. Use sabão e água ou um gel à base de álcool.
  • Mantenha uma distância segura de qualquer pessoa que esteja tossindo ou espirrando.
  • Não toque nos olhos, no nariz ou na boca.
  • Quando tossir ou espirrar, cubra o nariz e a boca com o cotovelo dobrado ou um tecido.
  • Fique em casa se você se sentir indisposto.
  • Se você tiver febre, tosse e dificuldade para respirar, procure assistência médica. Ligue antes de sair.
  • Siga as instruções de sua autoridade de saúde local.
  • Evite ir desnecessariamente a clínicas ou hospitais para permitir que os sistemas de saúde operem com mais eficiência, protegendo você e as outras pessoas.

Tratamentos para o coronavírus COVID-19

Até o momento, não há vacinas ou medicamentos específicos para a COVID-19. Os tratamentos estão sendo investigados e serão testados por meio de estudos clínicos. Organização Mundial da Saúde

Autocuidados

Se apresentar algum dos sintomas, você deve descansar, beber bastante líquido e comer alimentos nutritivos. Fique em um quarto separado dos outros membros da sua família e use um banheiro dedicado, se possível. Limpe e desinfete as superfícies tocadas com frequência.

Todos devem manter um estilo de vida saudável em casa. Mantenha uma dieta saudável, tenha uma boa noite de sono, permaneça ativo e mantenha o contato social com quem você ama através do telefone ou do Internet. As crianças precisam de mais amor e atenção dos adultos durante este momento difícil. Mantenha a rotina e os horários regulares o máximo possível.

É normal sentir-se triste, estressado ou confuso durante uma crise. Conversar com as pessoas em quem você confia, como amigos e familiares, pode ajudar. Se você se sentir sobrecarregado, fale com um médico ou psicólogo.

Tratamentos médicos

Se você for uma pessoal saudável e apresentar sintomas leves, faça o autoisolamento e entre em contato com seu plano de saúde ou com uma linha de informações sobre a COVID-19 para obter orientação.

Procure assistência médica se tiver febre, tosse e dificuldade para respirar. Ligue antes de sair.

Deixe sua opinião

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui