O coronavírus já matou mais de 7.500 pessoas, mas um desastre maior pode estar se formando no horizonte. Paul Begley, pregador e evangelista de Indiana, acredita que o coronavírus é um sinal do fim dos tempos.

O pastor Begley, que prega em West Lafayette nos EUA, falou durante um sermão online sobre o significado profético do coronavírus.

Em uma transmissão intitulada Pragas Apocalípticas Proféticas do Fim dos Tempos, ele citou passagens da Bíblia que supostamente apóiam suas alegações.

Ele disse: “O coronavírus atingiu o mundo e ninguém viu isso acontecer, ou pelo menos muito poucos.

“E o que aconteceu foi em Wuhan, China, o coronavírus explodiu em cena.

“O número de pessoas infectadas – na casa dos milhares – e o número de mortos aumentando diariamente a centenas.

“E, no entanto, não há cura, não há vacinas e, na verdade, ninguém pode identificar a origem dessa praga do fim dos tempos.

“E enquanto os corpos estão se acumulando e as pessoas têm medo, a pergunta é: ‘como evitá-lo e onde se espalhará a seguir?'”.

A partir das 17h15, horário de Brasília, em 17 de março, o coronavírus infectou pessoas em mais de 150 países.

O vírus se espalhou para praticamente todos os continentes, exceto a Groenlândia e a Antártica.

Mais de 190.000 pessoas foram infectadas com a doença de coronavírus (COVID-19) até o momento.

O pastor Begley disse: “A Bíblia fala sobre pragas nos últimos dias”.

Ele então citou as escrituras cristãs de Mateus 24.

A passagem da Bíblia diz: “E Jesus, respondendo, disse-lhes: Acautelai-vos, que ninguém vos engane; Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos. E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim. Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá fomes, e pestes, e terremotos, em vários lugares.

Mas todas estas coisas são o princípio de dores.

Segundo o pastor Begley, esses sinais de alerta do fim dos tempos já estão se desenrolando diante de nossos próprios olhos.

Contudo, não há nada que sugira que o coronavírus seja grande o suficiente ou mortal o suficiente para ser considerado uma praga bíblica.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o coronavírus ataca o sistema respiratório com sintomas semelhantes aos da gripe.

Embora a maioria dos pacientes tenha sintomas leves, a doença é muito perigosa entre as faixas etárias dos idosos e as pessoas com condições médicas subjacentes.

A OMS disse: “Portanto, é bastante normal que as pessoas se preocupem com o impacto do surto de COVID-19 sobre eles e seus entes queridos”.

Independentemente disso, o pastor Begley disse: “As pragas dos últimos dias, ou as pragas do fim dos tempos, elas começaram o tempo correndo”.

Deixe sua opinião


Mais conhecimento da Bíblia em menos tempo?
Não sei se você é uma dessas pessoas que tem dificuldades de entender a Bíblia. Eu já fui e sofri muito! Mas não me dei por vencido, não me deixei ser derrotado pelos inimigos. E você, como anda sua leitura da Bíblia? Seu entendimento? Que tal melhorar nessa área da sua vida espiritual, aprendendo a entender assuntos da Bíblia de forma simples e rápida, ajudado por quem já superou as mesmas dificuldades que você enfrenta? Clique aqui agora e pegue seu Manual de estudos exclusivo