Mulher decide entregar o caixa de seu restaurante das mãos de Deus e passa a ser prospera

A proprietária de um restaurante estava afundada em dividas, e a melhor maneira que ela encontrou foi colocar nas ‘mãos de Deus’ a caixa registradora de seu negócio.

Dana Parris, de 52 anos, é proprietária da Justin Cookin em Dallas. Quando as coisas ficaram difíceis em seu restaurante, ela colocou fim a cobrança tradicional, permitindo que os clientes a pagassem de acordo com a consciência, ou seja, o cliente decide o valor que deve pagar pelo que comeu, segundo publicou o site da Christian Urbano.

Mulher decide entregar o caixa de seu restaurante das mãos de Deus e passa a ser prosperaEla explica que a sua decisão radical foi entregar seu negócio “nas mãos de Deus” quando estava endividada e que inclusive pensou em fechar as portas. Mas a partir daí, sempre que um freguês pede a conta, Dana pergunta “Quanto você acha que vale?”.

Esta iniciativa levou a um aumento de clientes. Dana atribui seu sucesso a sua fé em que Deus é realmente o dono do restaurante. Ela lembra que tomou esta decisão depois de muita oração e desistiu de tentar fazer tudo sozinha. Então ela sentiu que Deus estava pedindo-lhe para confiar nele.

“A melhor maneira que eu poderia provar que eu estava dando tudo a Deus, estava dando a Ele o controle da caixa registradora“, disse ela. O restaurante experimenta a sua maior popularidade desde que abriu há dois anos. A maioria dos clientes sempre retorna.

Ao lado do caixa, ela tem dois livros, um para os pedidos de oração dos clientes e outro para as pessoas que receberam bênçãos. Ela acredita que isto é parte de sua missão como cristão.

Na primeira semana, o rendimento do restaurante quase triplicou. A proprietária diz que com tanto estimulo dos clientes, pretende continuar indefinidamente.

Dana diz que alguns não pagam o valor real dos alimentos, a maioria sempre pagam um pouco mais do que o preço normal. Mas também houve surpresas, como o caso de uma enfermeira que pagou menos, mas voltou no dia seguinte e pago muito mais para a mesma refeição.

Portal Padom

Deixe sua opinião