Cinco cristãos chineses são presos por estudar a Bíblia

Noticias gospelCinco cristãos foram presos na China sob acusações de utilizar suas horas de culto para organizar uma sabotagem das leis.

Sem a menor consideração e respeito a polícia chinesa invadiu a igreja onde se encontravam 70 pastores se reuniram para uma sessão de estudo da Bíblia, e cinco deles foram detidos por 15 dias, sob argumentando que eles estavam organizando um levante contra o governo.

Após a prisão a igreja foi condenada a cessar as suas atividades e reuniões foram proibidos. Além disso, eles disseram aos moradores para denunciar qualquer movimento suspeito.

O governo chinês acredita que, ao tomar medidas fortes contra o cristianismo é a solução contra o crescimento, até agora 1.700 igrejas foram demolidas. Ativistas acreditam que a província de Zhejiang é usado pelo governo para intimidar com as suas medidas anti-cristãs para as províncias vizinhas.

Pregar o evangelho é uma tarefa difícil, repleto de dificuldades, mas sempre homens e mulhers de Deus tem enfrentado as dificuldades crendo na poderosa mão de Deus.

Portal Padom

Deixe sua opinião