casamento-gay-casal-homossexual-processar-igreja-anglicanaUm casal homossexual pretende processar a Igreja Anglicana por se recusar em realizar o seu casamento em um de seus templos. Eles estão a fim de fazer valer o seu direito ao casamento permitido pela legislação no Reino Unido.

No entanto, a mesma lei permite a Igreja Anglicana a não realizar este tipo de cerimônias. A leia foi aprovada no último dia 17 de julho e autoriza casais do mesmo sexo na Inglaterra e Gales a fazer uniões civis a partir do próximo ano. A Escócia e Irlanda do Norte estão livres desta legislação.

Outras igrejas e grupos religiosos estão autorizados a realizar tais uniões, a critério do mesmo.

O casal homossexual, Barrie e Tony Drewitt-Barlow, expressou sua insatisfação ao diário digital Chronicle Essex, por não poder casar em um de seus templos, já que eles afirmam ser membros da igreja.

“Precisamos convencer a igreja que é correta para a nossa comunidade (gay), que eles (a Igreja Anglicana) nos reconheçam como cristãos praticantes“, disse o casal.

“Quero ir a minha igreja e casar com meu marido, estou triste, porque quero tanto: uma grande cerimônia luxuosa… mas não acredito que isso vai acontecer logo”, disse Barrie.

Se o processo for bem sucedido, outras igrejas também poderão ser alvos de ações judiciais semelhantes a que pretende estabelecer o casal Drewitt-Barlow, que se amparam sob as leis dos direitos humanos com argumentos de discriminação, apesar de o governo britanico ter assegurado aos grupos religiosos que estão protegidos por sua liberdade religiosa e objeção de consciência.  – cbn

Deixe sua opinião