noticias-gospel-casal-cristão-jogado-fornalha

Noticias gospelUm casal cristão no Paquistão foi espancado até a morte por uma multidão de muçulmanos, sob a acusação de terem supostamente profanado o Alcorão, segundo publicou o  Expresso Tribune.

Um funcionário da delegacia de polícia local em Kot Radha Kishan, a 40 km de Lahore, disse que os corpos do casal, identificados apenas pelos primeiros nomes, Shama e Shehzad, foram queimados no forno de tijolos, onde eles trabalhavam.

“Ontem um incidente de profanação do Alcorão Sagrado ocorreu em nossa cidade, e hoje uma multidão enfurecida espancou o casal e, posteriormente, os jogaram ainda vivos os seus corpos em um forno de tijolo em chamas.”, disse ele.

noticias-gospel-casal-cristão-jogado-fornalhaShahbaz Sharif , representante do governo local, constituiu um comitê de três membros para acelerar a investigação dos assassinatos e ordenou que a polícia aumente a segurança nos bairros cristãos da província.

Os trabalhadores dos fornos de tijolos são submetidos a práticas de trabalho adversas,  de acordo com a organização Bonded Labour Liberation Front do Paquistão, cerca de 4,5 milhões são trabalhadores contratados sem liberdade de se moverem. Eles recebem muito pouco, cerca de £ 1,30 por dia e trabalho infantil é comum: de acordo com a ActionAid, existe cerca de 1,7 milhão de crianças de cinco anos trabalhando nas fábricas de tijolos ilegais por até 14 horas por dia.

A blasfêmia é uma questão sensível no Paquistão, com essas acusações muitas a própria população causa violência mortal contra os acusados.

Uma mulher cristã, Asia Bibi, está no corredor da morte desde novembro de 2010 depois de ter sido considerado culpado de fazer comentários depreciativos sobre o profeta Maomé durante uma discussão com uma mulher muçulmana. Políticos como Salman Tasir e Shahbaz Bhatti que tentaram defender os direitos das minorias foram assassinados.

Portal Padom

Deixe sua opinião